Zona da Mata Sul

Dançarino de brega-funk Jadson Neiff morre após acidente de moto em Vitória de Santo Antão

O acidente aconteceu por volta das 21h dessa terça-feira (28), no km 51 da pista

Dançarino de brega-funk Jadson NeiffDançarino de brega-funk Jadson Neiff - Foto: Reprodução Instagram

O dançarino de brega-funk Jadson dos Santos Estevão, conhecido como Jadson Neiff, de 22 anos, morreu na madrugada desta quarta-feira (29), após um acidente de moto na BR-232, em Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata Sul.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente aconteceu por volta das 21h dessa terça-feira (28), no km 51 da pista. Jadson estava com a esposa, Dayana Araújo, quando perdeu o controle da motocicleta após passar por um buraco. 

Ainda segundo a PRF, ambos caíram na rodovia e foram atingidos, posteriormente, por um veículo não identificado. O artista chegou a ser socorrido para o Hospital da Restauração (HR), na área central do Recife, e a esposa foi levada para o Hospital João Murilo, em Vitória de Santo Antão.

De acordo com assessoria de comunicação do HR, Jadson deu entrada no hospital às 21h52, com o quatro de politraumatismo. Ele passou por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos e morreu às 2h25 desta quarta-feira (29). Não há informações sobre o estado de saúde de Dayana Araújo.

Jadson Neiff acumulava mais de 660 mil seguidores em uma de suas redes sociais. Nos stories do Instagram, ele havia públicado horas antes do acidente uma foto ao lado do influenciador Iran Ferreira, o Luva de Pedreiro, durante um evento de futebol. 

Jadson Neiff e Luva de Pedreiro. Foto: Reprodução/Instagram

A vítima fatal integrava o grupo "Os Neiffs", conhecido na internet por unir cantores e dançarinos de brega-funk das periferias do Recife. 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Respeita o preto (@jadson.neiff)

 

Veja também

Mulher é assassinada dentro de apartamento em Campo Grande
Feminicídio

Mulher é assassinada dentro de apartamento em Campo Grande

Chile e Bolívia concordam em enfrentar a crise migratória em sua fronteira
América do Sul

Chile e Bolívia concordam em enfrentar a crise migratória em sua fronteira