Daniel Paulista é efetivado como treinador do Sport

O ex-jogador de 34 anos entrou no lugar de Oswaldo de Oliveira e tem a missão de salvar o Leão do rebaixamento

Quanto mais eu vou, eu ficoQuanto mais eu vou, eu fico - Foto: Lucas Leônidas/Divulgação

Entre todas as especulações e propostas concretas, a novela envolvendo o nome do novo treinador do Sport chegou ao fim de uma maneira inusitada. Pouco especulado nas bolsas de apostas, o nome do auxiliar-técnico do clube, Daniel Paulista, acabou sendo anunciado nesta quinta-feira (13), pelo presidente João Humberto Martorelli. Aos 34 anos, Daniel tem a missão de salvar o time do rebaixamento no Brasileirão. Com apenas oito jogos restando, o Leão precisa vencer quatro partidas, para assim somar 46 pontos e praticamente ficar fora do risco de degola.

Ano passado, Daniel Paulista comandou o seu único jogo no time profissional, mas como interino. Isso aconteceu na derrota para o Vasco, por 2x1, no Maracanã. Na ocasião, Eduardo Baptista havia deixado o clube e logo após o revés diante dos cariocas, a diretoria rubro-negra anunciou Paulo Roberto Falcão como seu novo treinador. 

Na entrevista à Rede Globo, Martorelli explicou que entrou em contato com ao menos cinco treinadores, de forma direta ou indireta, mas que a situação de fechar um contrato de apenas dois meses fez com todos eles declinassem do convite. O fato se deve ao clube ter eleições marcadas para o final deste ano. Como a chapa da situação não sabe se irá continuar, não dá para garantir a nenhum profissional convidado que ele permaneceria para o ano que vem, já que uma possível vitória da oposição levaria a uma provável demissão do técnico escolhido pelo bloco político adversário.

Com todo o quadro desfavorável, o mandatário leonino deu a entender que a decisão foi tomada em conjunto com as maiores lideranças do grupo de jogadores. “Nos reunimos com várias lideranças do elenco, como Magrão, Diego Souza, Rithely e Durval, e ele compreenderam a situação e se comprometeram a ajudar o time a sair dessa posição”, comentou, para em seguida afirmar que o clube está unido. O momento hoje é de união. Vejo todas as lideranças do clube deixando vaidades de lado para ajudar neste momento delicado”, completou.

Por fim, sobrou ainda uma alfinetada no ex-treinador leonino Oswaldo de Oliveira, que aceitou o convite do Corinthians e se despediu do Sport na última quarta-feira (12). “Os nomes que consultamos, vários disseram que não deixariam o seu clube atual por não querer repetir o que Oswaldo de Oliveira fez com o Sport”, finalizou Martorelli.

Veja também

Brasil soma mais 26.979 novos casos e 432 mortes por Covid-19 nas últimas 24h
CORONAVÍRUS

Brasil soma mais 26.979 novos casos e 432 mortes por Covid-19 nas últimas 24h

Jovem de 18 anos é encontrada morta em cisterna de casarão em Jaboatão dos Guararapes, na RMR
Jaboatão

Jovem de 18 anos é encontrada morta em cisterna de casarão