Datena chora ao noticiar a morte do amigo Ricardo Boechat

Datena também lembrou histórias do amigo e da carreira profissional de Boechat, que é vencedor de três prêmios Esso

Datena interrompeu a programação para informar a morte do amigoDatena interrompeu a programação para informar a morte do amigo - Foto: Reprodução/Twitter

O apresentador José Luiz Datena interrompeu o programa Os Donos da Bola, na programação da Band, na tarde desta segunda-feira (11), para informar a morte do amigo e companheiro de casa Ricardo Boechat, 66, vítima na queda de um helicóptero em São Paulo.

"Até os inimigos respeitavam Boechat. Porque era muito difícil contestá-lo. De uma maneira ou de outra, ele tinha uma virtude. Era verdadeiro de plantão, 24 horas por dia", disse Datena, visivelmente emocionado. ​"Tinha esse dom de voltar atrás."

Datena também lembrou histórias do amigo e da carreira profissional de Boechat, que é vencedor de três prêmios Esso. É também o maior ganhador do Prêmio Comunique-se.
A morte do jornalista também emocionou os apresentadores da bancada do Jornal Hoje (Globo), Dony De Nuccio e Sandra Annenberg. Os dois jornalistas ficaram com os olhos embargados ao anunciar a reportagem.

Leia também: 
Relembre a carreira do jornalista Ricardo Boechat
Jornalista Ricardo Boechat morre em queda de helicóptero em São Paulo


Boechat trabalhava atualmente no Grupo Bandeirantes de Comunicação, apresentando dois programas diários, A Notícia com Ricardo Boechat, um matinal na rádio BandNews FM, e o Jornal da Band à noite, na TV Bandeirantes. Ele tinha também uma coluna na revista semanal Istoé.

Mais cedo, o Corpo de Bombeiros informou que duas pessoas tinham morrido após um helicóptero cair sobre um caminhão em trecho do Rodoanel que dá acesso à rodovia Anhanguera, na zona oeste de São Paulo. Eles seriam o piloto e o copiloto da aeronave, segundo as informações preliminares da corporação. A confirmação de que o jornalista era um dos ocupantes veio mais tarde.

Repercussão
Jornalistas, políticos e celebridades lamentaram a morte de Boechat.
O presidente, Jair Bolsonaro (PSL) divulgou nota de pesar. "Minha solidariedade à família do profissional e colega que sempre tive muito respeito, bem como do piloto. Que Deus console a todos!".

A Associação Brasileira de Emissoras de Radio e Televisão (Abert) divulgou nota lamentando a morte do jornalista Ricardo Boechat. "Dono de um estilo inconfundível, Boechat honrou a profissão de jornalista, exercida com ética e compromisso com a verdade dos fatos".
 

Veja também

Alemanha quer restringir voos com Brasil, Reino Unido, África do Sul e Portugal
Covid-19

Alemanha quer restringir voos com Brasil, Reino Unido, África do Sul e Portugal

É preciso se preparar para a próxima pandemia como para a guerra, alerta Bill Gates
Covid-19

É preciso se preparar para a próxima pandemia como para a guerra, alerta Bill Gates