SOLIDARIEDADE

De casa nova, Escola Livre realiza ceia de Natal com população em situação de rua do Recife 

om o tema "Comida e afeto para quem tem fome e não tem teto", ONG promove jantar solidário com apoio de voluntários 

A organização também está arrecadando doações em dinheiro, alimentos e itens de higiene e limpezaA organização também está arrecadando doações em dinheiro, alimentos e itens de higiene e limpeza - Foto: Divulgação

Pelo terceiro ano consecutivo, a Escola Livre de Redução de Danos realiza a ceia de Natal colaborativa em conjunto com pessoas em situação de rua, no Centro do Recife. Desta vez, o jantar solidário será promovido na Rua do Sossego, em frente à nova sede da organização social, que agora funciona no imóvel de nº 264. O momento de partilha acontecerá na quinta-feira (19), a partir das 19h, e será promovido para 200 pessoas, com o apoio da equipe da entidade e voluntários. O tema deste ano é “Comida e afeto para quem tem fome e não tem teto”.  

No final da tarde, o trecho da Rua do Sossego, no bairro de Santo Amaro, ficará sinalizado para a montagem da estrutura de toldos e mesas para a ceia de Natal colaborativa. A programação também reservará espaço para apresentações culturais. “Será um momento para compartilhar afeto e atenção. O ano de 2023 foi de trabalho e realizações para nós. Ampliamos nossa atuação e garantimos formação, cuidado e apoio psicológico a quem chegou até nós. Isso só foi possível graças ao envolvimento de muitas parcerias e de um trabalho em rede”, explica a psicóloga Priscilla Gadelha, uma das coordenadoras da Escola Livre.

A Escola Livre deu início também à campanha de adoção das cartinhas de Natal escritas pelas pessoas que possuem vínculo com o Centro de Convivência da organização para a população em situação de rua. Os desejos e sonhos são diversos e vão desde cesta básica ou pacote de fraldas descartáveis até vaga de emprego e moradia digna. As crianças pediram brinquedos.

A organização também está arrecadando doações em dinheiro, alimentos e itens de higiene e limpeza. Tudo o que for ofertado será revertido para as pessoas assistidas. A Escola Livre de Redução de Danos é uma organização da sociedade civil que atua pelos direitos humanos das pessoas que fazem uso de álcool e outras drogas, com foco no cuidado, no aprendizado entre pares e na participação democrática. Começou a funcionar em 2019.

Veja também

Os antigos egípcios podem ter realizado uma cirurgia cerebral para remover câncer há 4.000 anos
ciência

Os antigos egípcios podem ter realizado uma cirurgia cerebral para remover câncer há 4.000 anos

A dois meses das eleições na Venezuela, cresce incerteza sem observação da UE
mundo

A dois meses das eleições na Venezuela, cresce incerteza sem observação da UE

Newsletter