Recife

De hoje até sexta, grupos prioritários podem se vacinar contra gripe e sarampo no Shopping Boa Vista

A ação é desenvolvida pela Prefeitura do Recife

Vacinação será aplicada no Shopping Boa VistaVacinação será aplicada no Shopping Boa Vista - Foto: Ykamahã / Secretaria de Saúde do Recife

Com o objetivo de ampliar a cobertura vacinal contra a gripe e o sarampo, a Prefeitura do Recife inicia, nesta segunda-feira (23), uma ação especial voltada para os públicos-alvos das duas campanhas.

Até sexta (27), sempre das 9h às 17h, profissionais da Secretaria de Saúde do município estarão no Shopping Boa Vista, na área central da Cidade, para realizar a vacinação dos grupos prioritários (detalhes no Saiba mais).

(Atualização 23/05, às 11h50: a Prefeitura do Recife corrigiu o horário do atendimento no shopping. Segundo a gestão, será das 9h às 17h e não das 10h às 18h como informado anteriormente)

O ponto montado no centro de compras se une às 150 salas de vacina que já funcionam no Recife. Os endereços de cada uma delas podem ser conferidos no link disponibilizado pela prefeitura.

Para agilizar a vacinação no shopping, a Secretaria de Saúde do Recife recomenda que os usuários levem um documento de identificação e, também, caso possuam, a carteira de vacinação e o cartão SUS.

Vacina contra o sarampo

De acordo com a secretaria, foram aplicadas, até o momento, 44.732 doses de vacina contra o sarampo na Cidade. O número representa uma cobertura vacinal de 24,91%.

A campanha, que é organizada em âmbito nacional pelo Ministério da Saúde, tem como público-alvo as crianças de seis meses a menores de cinco anos de idade e os trabalhadores da saúde, que devem comprovar o vínculo laboral no momento da vacinação.

Segundo dados do Ministério, a população estimada no Recife para estes grupos é de 179.565 pessoas. 

Vacina contra a gripe

Também realizada em âmbito nacional, a vacina contra a gripe (Influenza) alcançou, até o momento, uma cobertura vacinal de 23,29% no Recife. Segundo a Secretaria de Saúde, foram aplicadas 144.829 doses do imunizante. O Ministério da Saúde estima que 621.837 pessoas estejam no público-alvo, como os idosos.

Conforme reforça a prefeitura, parte do público-alvo precisa apresentar também documentos que provem a necessidade da imunização. Os profissionais das redes públicas e privadas de saúde e os professores, por exemplo, devem levar comprovantes laborais, como crachás ou carteira de trabalho. Já as gestantes, puérperas, pessoas com comorbidades ou deficiência permanente devem levar laudos médicos que comprovem a condição.

As campanhas contra o sarampo e a gripe começaram nacionalmente em abril e seguem até o dia 3 de junho. Segundo o Ministério da Saúde, a vacina utilizada contra a influenza é eficaz contra as cepas H1N1, H3N2 e tipo B.

Saiba mais

Documentação geral necessária
Documento de identificação e, caso possua, carteira de vacinação e cartão SUS.

Vacina contra sarampo
(grupos prioritários)
Crianças de seis meses a menores de cinco anos de idade e trabalhadores da saúde (devem comprovar o vínculo de trabalho na área).

Vacina contra gripe
(grupos prioritários)
Idosos; parte do público-alvo precisa apresentar também documentos que provem a necessidade da imunização. Os profissio-nais das redes públicas e privadas de saúde e os professores, por exemplo, devem levar comprovantes laborais, como crachás ou carteira de trabalho; já as gestantes, puérperas, pessoas com comorbidades ou deficiência permanente devem levar laudos médicos que comprovem a condição.

Veja também

Disque denúncia oferece R$ 50 mil por informações sobre envolvidos em assalto em shopping no Rio
Crime

Disque denúncia oferece R$ 50 mil por informações sobre envolvidos em assalto em shopping no Rio

Após cerca de quatro horas de voos suspensos, Aeroporto do Recife volta a operar normalmente
Voos

Após cerca de quatro horas de voos suspensos, Aeroporto do Recife volta a operar normalmente