Defensoria Pública faz Campanha de doação de sangue e de cadastro de medula óssea

A ação para funcionários acontece na sede da DPPE nesta sexta-feira

Bolsa de sangueBolsa de sangue - Foto: Venilton Küchler/Fotos Públicas

A Defensoria Pública da União de Pernambuco (DPPE) realiza, nesta sexta-feira (01), a segunda edição da Campanha de Doação de Sangue e Cadastro de Medula Óssea. A ação acontece na sede da DPPE, na rua Marquês do Amorim, 127, no bairro da Boa Vista, Centro do Recife.

Na campanha interna, defensores públicos do Estado, da União, servidores, terceirizados e estagiários são convidados a doar sangue e se cadastrarem como doadores de medula óssea. A parceria dos órgãos com o Hemope tem o objetivo de aumentar o estoque de sangue do hemocentro e o número de pessoas cadastradas no Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome).

Leia também: 
Defensoria Pública vai conceder perdão judicial às presas de Pernambuco 
Doação de sangue: 1,8% da população brasileira doa sangue; meta da OMS é 3%

Na última edição, em 2016, dezenas de pessoas foram à Sede da Defensoria Pública de Pernambuco, no bairro da Boa Vista, para participar da Campanha Doe Sangue, Salve Vidas - um projeto fruto da parceria entre a Defensoria pública de Pernambuco, Defensoria Pública da União e o Hemope. Cerca de 150 pessoas aderiram. Ao final da ação, foram formalizadas mais de 80 contribuições: 48 bolsas de sangue e 43 pessoas cadastradas no Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome). 

Veja também

Bolsonaro participa de celebração nacional da Índia na embaixada
Governo Federal

Bolsonaro participa de celebração nacional da Índia na embaixada

Aumento do diesel eleva 'insatisfação' de caminhoneiros, mas governo ainda não vê risco de greve
Greve

Aumento do diesel eleva 'insatisfação' de caminhoneiros, mas governo ainda não vê risco de greve