Derby recebe 230 vagas de estacionamento do Zona Azul

Vagas serão distribuídas nas duas vias da praça do Derby e em ruas do entorno

Zona Azul foi implantada no DerbyZona Azul foi implantada no Derby - Foto: Vinícius Lucena

O entorno da praça do Derby, na área central do Recife, passa a contar com 230 vagas de estacionamento rotativo do Zona Azul a partir desta segunda-feira (26). Segundo a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), o objetivo da mudança é melhorar a mobilidade na área, onde há grande procura por estacionamento. Todas as vagas serão regulamentadas com o tempo de 5 horas de permanência. 

As vagas serão distribuídas nas duas vias da praça do Derby, que vão da via local da avenida Governador Agamenon Magalhães até a rua Jener de Souza. As ruas Barão de Goiana, Baixa Verde e Feliciano Gomes também serão contempladas. A Zona Azul funcionará de segunda a sexta, das 8h às 18h, e aos sábados, das 8h às 12h. 

Leia também:
Viatura com câmera fiscalizará Zona Azul Digital
Adiado fim do uso de papel no Zona Azul do Recife

Do total de 230 vagas, reforça a CTTU, 5% serão destinadas a idosos e 2% para pessoas com deficiência, atendendo as exigências estabelecidas pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Para regulamentar a ação, a CTTU irá implantar de toda a sinalização horizontal e vertical das vias envolvidas.

Segundo Kelly Pereira, gerente de planejamento de trânsito da CTTU, a Zona Azul foi implantada para “atender a área que possui muitos pontos comerciais, clínicas médicas, hospitais e outros estabelecimentos” e “incentivar uma rotatividade nas vagas”. “É importante ficar de olho nas sinalizações, tem sinalizações especiais para motos, indicando os pontos nos quais elas devem ser estacionadas, além das vagas para idosos e deficientes”, explicou Kelly, que também pediu que os condutores fiquem atentos aos horários.

Entre os motoristas, as opiniões em relação a implantação da Zona Azul divergem, mas a maioria reprova a medida. O motorista de aplicativo Bruno Manoel, 27, não aprovou a determinação. “Aqui no Derby eu acho que não deveria ter. Tem muito morador, muito comerciante e motoristas de aplicativo, como eu, que param rapidamente e não tem lugar pra estacionar”, disse Bruno.

“Infelizmente vou ter que procurar outros lugares, porque se eu for pagar zona azul todas as vezes que parar por aqui, não vou ganhar dinheiro nenhum”, afirmou o motorista de aplicativos.

Jonas Carvalho, 57, usou pela primeira vez o estacionamento rotativo e fez o pagamento pelo aplicativo no aparelho celular. “Só facilita pra quem tem dinheiro, pra quem não tem fica difícil, as pessoas acabam priorizando os locais que requerem o pagamento”, disse o Policial Militar.

Já Luís Sandro, 29, afirmou que o estacionamento vai ter um efeito positivo na rotina. “A Zona Azul facilita pra gente que usa frequentemente essas vagas, que acabam tendo uma rotatividade maior. Como eu uso sempre em outros locais do recife, fica mais fácil pra mim”, afirmou Luís.

Zona Azul
Atualmente, o Recife conta com mais de três mil vagas rotativas do Zona Azul implantadas nos bairros do Recife, São José, Santo Antônio, Boa Vista, Madalena, Encruzilhada, Casa Amarela, Casa Forte e Boa Viagem. As vagas podem ser realizadas por meio do aplicativo Zona Azul Digital, ou pelos pontos de vendas físicos existentes na cidade.

De acordo com a CTTU, a Zona Azul Digital deve operar com exclusividade já a partir de setembro, quando o talão físico será extinto.

O horário de funcionamento da Zona Azul varia de acordo com a demanda para estacionamento de veículos no local. A maioria das vagas funciona no horário das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira, e das 8h às 12h, aos sábados. O tempo máximo de permanência varia entre duas e cinco horas, a depender da sinalização indicativa nos locais, custando R$ 3.

A multa para quem estacionar de forma irregular nas vagas de Zona Azul é grave (R$ 195,23, mais cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação) e o veículo está passível de remoção ao depósito. 

 

Veja também

Pinguim é achado morto com máscara no estômago no litoral de SP
meio ambiente

Pinguim é achado morto com máscara no estômago no litoral de SP

Justiça do Rio determina monitoramento de Flordelis com tornozeleira eletrônica
justiça

Justiça do Rio determina monitoramento de Flordelis