Mundo

Diretora do FMI alerta para impacto econômico do conflito na Ucrânia

Crise já causa alteração nos preços da energia e pode afetar a economia mundial

 Kristalina Georgieva, diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI) Kristalina Georgieva, diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI)  - Foto: Daniel Leal / AFP

A diretora-gerente do FMI instou nesta quarta-feira (2) que se encontre uma solução pacífica para o conflito entre a Rússia e a Ucrânia, destacando que a crise já tem impacto nos preços da energia e representa uma ameaça ao crescimento global.

"Em um momento de maior incerteza para o crescimento da economia mundial, as tensões geopolíticas só complicam a situação e já vemos isto em termos de impacto nos preços da energia", disse Kristalina Georgieva, entrevistada pelo The Washington Post.

"Realmente esperamos que haja uma solução diplomática, pelo povo da Ucrânia e também pela necessidade de uma recuperação sustentada da economia mundial", acrescentou.

A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI) pediu uma abordagem "pragmática" para acabar com esse conflito, evitando uma escalada e sanções das Nações Unidas e dos Estados Unidos que "inevitavelmente" teriam repercussões para todo o mundo.

Georgieva lembrou que o FMI está em processo de implementação de um pacote de ajuda de US$ 2,2 bilhões para a Ucrânia "entre agora e junho". Também disse que o Fundo está pronto para fornecer assistência adicional, se necessário, para a Ucrânia e outros países que seriam afetados pelo conflito.

A Rússia concentrou até 100.000 soldados na fronteira com a Ucrânia desde o final de 2021, segundo o Ocidente, que acusa Moscou de se preparar para atacar este país.

Moscou nega qualquer plano nesse sentido, exigindo garantias por escrito para sua segurança, incluindo a recusa de adesão da Ucrânia à Otan e o fim do reforço militar da Aliança Atlântica no Leste, em particular nas antigas repúblicas soviéticas.

Veja também

Mulher dá a luz em banheiro do Shopping Recife, na Zona Sul da capital pernambucana
Parto

Mulher dá a luz em banheiro do Shopping Recife, na Zona Sul da capital pernambucana

Trump diz que sua casa na Flórida foi alvo de buscas do FBI
EUA

Trump diz que sua casa na Flórida foi alvo de buscas do FBI