Disque-Denúncia oferece R$ 2 mil para informações sobre assaltos a bancos no Agreste

População pode repassar informações sobre suspeitos, explosivos, armas e qualquer artefato

Segundo o despacho, ambulantes estariam sendo impedidos de vender outras marcasSegundo o despacho, ambulantes estariam sendo impedidos de vender outras marcas - Foto: Pixabay

O Disque-Denúncia oferece recompensa de R$ 2 mil para quem der informações sobre assaltantes de banco no Agreste. A novidade, informada durante entrevista coletiva em Caruaru, junta-se à ampliação, em vigor desde a semana passada, de três para sete equipes de apuração de roubos e furtos a agências e terminais bancários em todo o Estado. Só no Agreste, são duas frentes de investigação, chefiadas pelos delegados Ariosto Esteves e Bruno Vital.

Por meio do telefone (81) 3719.4545, a população pode repassar informações sobre suspeitos, explosivos, armas e qualquer artefato que indique ações já ocorridas ou em planejamento. Há garantia de anonimato de quem denuncia.

O Interior vem sendo cenário de investidas toda semana. De acordo com o Sindicato dos Bancários, de janeiro a outubro, ocorreram 252 investidas criminosas contra agências bancárias. Já segundo a Secretaria de Defesa Social (SDS), foram 144 até setembro. Além das sete equipes ligadas à Delegacia de Roubos e Furtos, o combate a crimes contra bancos também conta com uma força-tarefa entre as polícias Federal, Civil e Militar, em atividade desde o último mês de julho.

Veja também

Brasil acumula 5,3 milhões de casos e 157 mil mortes por Covid-19
Coronavírus

Brasil acumula 5,3 milhões de casos e 157 mil mortes por Covid-19

Pernambuco registra 157 novos casos e 10 óbitos nas últimas 24h
Coronavírus

Pernambuco registra 157 novos casos e 10 óbitos nas últimas 24h