DESABAMENTO EM PAULISTA

Doações às vítimas e familiares de tragédia no Janga podem ser levadas à igreja do bairro

Voluntários seguem recebendo donativos que devem ser entregues a partir desta segunda (10)

Doações às vítimas e familiares do desabamento do prédio no JangaDoações às vítimas e familiares do desabamento do prédio no Janga - Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

A Igreja Presbiteriana do Janga está recebendo doações para as vítimas e familiares do desabamento do bloco D7, do Conjunto Beira-mar - ocorrido nas primeiras horas da manhã da última sexta-feira (7) e que culminou em 21 pessoas resgatadas, desta 14 vieram a óbito.

Neste domingo (9), havia dezenas de voluntários separando comidas, roupas e sapatos que serão entregues a partir desta segunda-feira (10). Hoje, até às 21h, a igreja recebe donativos.

Doações às vítimas e familiares do desabamento do prédio no JangaCrédito: Ed Machado/Folha de Pernambuco

“Roupa, no momento, não é nossa preferência. Tem bastante aqui, graças a Deus. Mas, alimentos e produtos de higiene, podem trazer que estaremos aqui”, disse Ester Mendes, filha do pastor da instituição religiosa, Gilmar Mendes.

De acordo com o líder da igreja - localizada na Rua Honorato Fernandes da Paz, 1250,
Janga - duas famílias de um prédio próximo, que foi interditado, estão guardando os seus móveis no andar de cima do templo.

Doações às vítimas e familiares do desabamento do prédio no JangaCrédito: Ed Machado/Folha de Pernambuco

À reportagem da Folha de Pernambuco, a Secretária Executiva de Assistência Social e Direitos Humanos da prefeitura de Paulista, Elisa Alcântara, disse que está com as listas das famílias que receberão as doações diretamente. Esta é uma medida para conter as pessoas não relacionadas à tragédia que tentam conseguir uma parte dos donativos.

Veja também

Explosão em café deixa cinco mortos na capital da Somália
ATENTADO

Explosão em café deixa cinco mortos na capital da Somália

Militantes fazem ato esvaziado contra Lula e Moraes e com exaltação a Trump
MANIFESTAÇÃO

Militantes fazem ato esvaziado contra Lula e Moraes e com exaltação a Trump

Newsletter