Dois homens são presos por tentativa de furto a agência dos Correios em Amaraji

Segundo a PF, outros dois suspeitos de envolvimento no crime conseguiram fugir num carro

Material foi usado na tentativa de furto à agência dos CorreiosMaterial foi usado na tentativa de furto à agência dos Correios - Foto: PF/Divulgação

Dois homens foram presos pela Polícia Militar (PM) quando tentavam furtar uma agência dos Correios em Amaraji, na Mata Sul do Estado. O caso ocorreu na madrugada do sábado (27), mas foi divulgado na noite deste domingo (28) pela Polícia Federal (PF), que investigará o ocorrido. Outros dois suspeitos conseguiram fugir. As buscas por eles serão detalhadas pela instituição nesta segunda (29).

As prisões ocorreram por volta das 3h30. Policiais do 21º Batalhão da PM, sediado em Vitória de Santo Antão, na mesma região do Estado, receberam a informação de que um arrombamento estaria ocorrendo na agência e seguiram até o local. Quando perceberam a presença do efetivo, dois suspeitos fugiram num carro. Os outros dois foram encontrados dentro do prédio. Eles haviam arrombado uma grade de ferro e quebrado o vidro de uma janela lateral. Ainda tentaram abrir o cofre, mas não tiveram êxito.

Foram presos o pizzaiolo Emerson Gomes da Silva, 39 anos, e o estudante Yuri Cardoso da Silva, 18. Segundo a PF, Emerson já havia sido preso três vezes, cumpriu pena por furto e teria participado de um furto a banco em Buenos Aires, em julho de 2016. Na ocasião, quatro criminosos morreram em confronto com a PM. Já Yuri não tinha antecedentes criminais.

Na agência dos Correios, foram encontrados materiais utilizados na tentativa de furto, como duas barras de ferro e duas chaves de fenda. Um revólver calibre 38, pertencente a um vigilante do estabelecimento, foi roubado pelos dois homens que conseguiram fugir. Informações sobre os suspeitos ainda não localizados podem ser repassadas, anonimamente, para o Disque-Denúncia, por meio do telefone (81) 3421.9595.

Emerson e Yuri foram autuados em flagrante por furto qualificado mediante concurso de duas ou mais pessoas, crime que pode resultar em até dez anos de reclusão, além de multa. Eles foram levados para uma audiência de custódia da Justiça e tiveram a prisão preventiva confirmada. A dupla foi levada para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, no Grande Recife.

Veja também

Fenômeno raro, meteoro brilhante é visto no céu do Sertão de Pernambuco
Astronomia

Fenômeno raro, meteoro brilhante é visto no céu do Sertão de Pernambuco

Movimento tímido no primeiro de banho de mar liberado no Recife
Coronavírus

Movimento tímido no primeiro de banho de mar liberado no Recife