SAÚDE

"Ducha interna": a bebida viral do TikTok que promete purificar o corpo e eliminar toxinas

Com ingredientes naturais e fáceis de preparar, a "ducha interna" promovida pelos TikTokers viralizou; veja a opinião de especialistas sobre a eficácia do seu consumo

Os vídeos que circulam no TikTok focam em uma bebida que aparentemente "faz milagres para o corpo": água com limão e sementes de chia Os vídeos que circulam no TikTok focam em uma bebida que aparentemente "faz milagres para o corpo": água com limão e sementes de chia  - Foto: New Africa

Em meio a uma crescente tendência social de ter hábitos saudáveis, cada vez mais pessoas reconhecem a importância de cuidar da saúde e do bem-estar por meio da alimentação.

Hoje, os alimentos naturais e orgânicos são priorizados e os alimentos ultraprocessados, com aditivos artificiais, são limitados. Há uma mudança de pensamento em relação ao autocuidado e à consciência de como as escolhas alimentares impactam a saúde.

Muitas dessas mudanças podem ser percebidas nas redes sociais. Nos últimos tempos, o TikTok tornou-se uma “bíblia online”, onde tudo o que revela ou mostra é considerado “palavra sagrada” pelos seus usuários. Beber vinagre de maçã com o estômago vazio, água com clorofila para reduzir o inchaço ou comer pólen de abelha para aumentar a imunidade são apenas algumas das milhares de recomendações feitas pelos Tiktokers que prometem saúde.

A última recomendação viral que surgiu e que ainda circula nesta rede social é a hashtag #internalshower, que conta com mais de 120 milhões de visualizações. Os vídeos que podem ser encontrados nesta busca focam em uma bebida que, segundo os influenciadores, “faz milagres no corpo”: água com limão e sementes de chia. Os conteúdos variam, desde pessoas que experimentam este líquido e destacam como ele alivia os sintomas de problemas digestivos (incluindo inchaço e prisão de ventre), até nutricionistas e profissionais registrados que avaliam a eficácia.

Esta bebida desintoxicante foi divulgada por Daryl Gioffre, um famoso nutricionista e autor de best-sellers que visam alcançar uma saúde digestiva ideal, como “Get Off Your Acid” e “Get Off Your Sugar”. Nas palavras de Gioffre, essa bebida que simula “uma ducha interna” é composta por 2 colheres de sopa de sementes de chia, um copo de água, o suco de 1 rodela de limão e 1/8 colher de chá de sal. Os ingredientes devem ser misturados e deixados a descansar por cinco minutos ou até que as sementes de chia comecem a formar um gel/gota protetora ao seu redor.

“Ajudou-me a combater a prisão de ventre e a reduzir o inchaço”; “Desde que tomei tenho menos fome, consigo passar horas sem precisar comer”; “Parece que eles estão limpando você por dentro.” Esses são alguns dos comentários que mais se destacam entre as avaliações feitas pelos usuários online.
 

Sob a lupa
A crescente popularidade da água potável com sementes de limão e chia se deve, em grande parte, aos inúmeros benefícios à saúde oferecidos pelos ingredientes separados do “chuveiro interno”. Se esta bebida for analisada detalhadamente, seus componentes estão associados à saúde. Hidratação, propriedades antioxidantes, vitamina C, fibras e ômega-3 são parte dos benefícios que estão relacionados à água, limão e sementes de chia. Porém, o que os profissionais dizem sobre essa bebida?

— É uma boa forma de transportar a chia, pois muitas pessoas têm dificuldade em incorporá-la à alimentação. O problema que ocorre com essas tendências é que muitas vezes nas redes sociais são atribuídos efeitos mágicos a determinados alimentos ou bebidas, prometendo rápida perda de peso ou eliminação imediata de toxinas quando, na verdade, nenhum alimento ou bebida fará com que isso aconteça — alerta o nutricionista Rocío Tordini.

O profissional diz também que devemos ter cuidado com as tendências alimentares que circulam nas redes sociais e não acreditar que existam alimentos ou substâncias mágicas, embora que beber água com limão e sementes de chia ofereça diversos benefícios à saúde.

1. Chia
Primeiramente, dona Tordini destaca que a bebida proporciona saciedade graças ao teor de fibras das sementes de chia, o que torna o processo de esvaziamento gástrico mais lento. Uma investigação publicada na revista internacional Molecules e chamada “Sementes de Chia: Uma revisão abrangente sobre seus benefícios nutricionais e para a saúde”, avaliou os benefícios nutricionais da chia e os profissionais responsáveis concordaram que este alimento é uma excelente fonte de fibras, proteínas e ômega -3 ácidos graxos. Ao observar os participantes da amostra após consumirem as sementes, os pesquisadores perceberam que vários aspectos do corpo melhoraram, entre eles: saúde cardiovascular, níveis de açúcar no sangue e melhor digestão.

De acordo com o exposto, Tordini destaca que o consumo de sementes de chia pode reduzir o colesterol e os triglicerídeos devido ao alto teor de ômega 3 e fibras que possuem. “Também previnem a constipação, pois a fibra das sementes tem a capacidade de reter água e acelerar o trânsito gastrointestinal”, revela. Da mesma forma, explica que este último colabora com a redução do tempo de contato das substâncias cancerígenas com a mucosa do cólon.

2. Limão
Em relação ao limão, durante séculos esta fruta cítrica foi usada para tratar o escorbuto – uma condição que pode se desenvolver devido à falta de vitamina C. A pesquisa, entitulada 'Vitamina C e Função Imunológica', sustenta que esta vitamina presente nas frutas cítricas é necessária para que o sistema imunológico gere e mantenha uma resposta adequada contra infecções ou ameaças.

— Fornece antioxidantes que previnem os danos dos radicais livres e fortalecem o sistema imunológico. Esse benefício também está relacionado aos polifenóis – grupo de substâncias presentes nas plantas com alta capacidade antioxidante - que a chia fornece — afirma Tordini.

Ao mesmo tempo, ele enfatiza a importância de consumir alimentos antioxidantes por meio da dieta para evitar as consequências dos poluentes ambientais que causam estresse oxidativo – condição que ocorre quando há muitas moléculas instáveis no corpo – como produtos químicos derivados da fumaça do cigarro.

Além disso, embora muitos dos comentários e críticas daqueles que experimentaram esta bebida afirmem que o seu consumo foi “um antes e um depois” nos seus intestinos, esta pode ser uma reação subjetiva. No entanto, um estudo publicado na revista Scientific Report descobriu que o consumo prolongado de polifenóis de limão previne alterações intestinais relacionadas ao envelhecimento.

— Esses efeitos na saúde não são provenientes exclusivamente da bebida, mas também podem ser obtidos através do consumo de outros alimentos fontes de fibras, vitamina C e antioxidantes, como frutas, vegetais e outras sementes, como girassol, linhaça ou gergelim — conclui Tordini.

Veja também

Celac realiza cúpula anual, marcada por tensão entre Venezuela e Guiana
INTERNACIONAL

Celac realiza cúpula anual, marcada por tensão entre Venezuela e Guiana

Instituto do Autismo ganha unidade em Caruaru, no Agreste de Pernambuco
INCLUSÃO

Instituto do Autismo ganha unidade em Caruaru, no Agreste de Pernambuco