Eleições 2018: Confira a cobertura completa da Folha de Pernambuco para o 1º turno

Mais de 100 profissionais estarão envolvidos na cobertura das Eleições 2018

A Folha de Pernambuco contará com a mobilização de mais de 100 profissionais na cobertura das Eleições 2018A Folha de Pernambuco contará com a mobilização de mais de 100 profissionais na cobertura das Eleições 2018 - Foto: Anderson Stevens / Folha de Pernambuco

A Editora Folha de Pernambuco fará, a partir deste domingo (7), a cobertura em tempo real das Eleições 2018. Mais de 100 profissionais estarão envolvidos na produção de conteúdo para os 147,3 milhões de eleitores. As informações estarão disponibilizadas em diversas plataformas como internet, rádio e jornal impresso.

Das 6h até o final da contabilização dos votos, repórteres da Folha de Pernambuco e do Portal FolhaPE estarão a postos, acompanhando a movimentação dos eleitores na disputa eleitoral. A Rádio Folha 96,7FM também fará programação especial, reativando a Rede Parceria Folha, que leva aos ouvintes tudo o que acontecer de mais relevante no Recife, Região Metropolitana, Interior do Estado e pelo Brasil.

“Nossa proposta é fazer uma cobertura em tempo real do que estará acontecendo. As redes sociais tornaram-se uma grande aliada das Eleições deste ano e, por isso, estaremos, das 6h até o final das apurações, online não apenas nas redes sociais e no portal, mas também na rádio”, comenta a Editora-Executiva da Folha de Pernambuco, Karina Maux.

Equipes acompanharão o deslocamento e os comitês dos candidatos mais bem pontuados segundo as ultimas pesquisas de intenção de voto. Jornalistas também estarão de plantão no Tribunal Regional Eleitoral do Estado (TRE-PE) para acompanhar o fechamento das urnas e início das apurações. O objetivo da cobertura é inserir ainda mais o leitor dentro do processo eleitoral, que estará em curso em todo o país. Além de matérias factuais, que vão mostrar a movimentação dos cidadãos nos locais de votação, haverá, durante o dia, matérias analíticas sobre a disputa eleitoral.

“Além do portal, redes socais e rádio, os leitores terão no jornal impresso um material mais consolidado. Faremos uma curadoria com analises aprofundadas, mostrando as tendências do Brasil a partir de 2019, de acordo com o resultado do pleito deste ano. Também teremos repórteres na redação, analisando nossa cobertura e vamos contar ainda com um time de cientistas políticos que farão leituras tanto da votação como também do impacto dos resultados no cenário local e nacional”, ressalta a Editora-Executiva da Folha, Leusa Santos.

   Rádio Folha 96,7FM

Ao todo, estarão envolvidas, na transmissão das Eleições 2018 da Rádio Folha 96,7FM, 42 emissoras do Brasil. Nos estúdios da Folha FM o comando da cobertura ficará a cargo dos comunicadores Neneo de Carvalho, Patrícia Breda e Jota Ferreira. E, com o fechamento das urnas e início das apurações, o âncora Jota Batista, ao lado de Jairo Lima, editor do Blog da Folha, e Renata Bezerra de Melo, colunista da Folha de Pernambuco, iniciam debates com uma mesa redonda. A cobertura também contará com cientistas políticos e lideranças partidárias.

"São essas emissoras, cuja qualidade profissional é destacada, que se unem à Folha 96,7FM, reconhecendo, também, nossa credibilidade. Entendemos a importância deste evento e juntas vamos levar uma programação de alto padrão profissional", afirma a gerente da Rádio Folha, Marise Rodrigues. Ela lembra ainda que a 96,7 FM receberá flashes ao vivo a partir das 7h, da rádio Noronha FM, de Fernando de Noronha, com a correspondente Carol Fleischman, que vai se unir às 14 outras emissoras do interior de Pernambuco.

Confirmaram presença para analisar o resultado das urnas na bancada da Rádio Folha, os cientistas políticos Hely Ferreira e Alex Ribeiro; os jornalistas políticos, Manoel Guimarães, Ângelo Castelo Branco, Evaldo Costa, além dos políticos Sileno Guedes, Bruno Ribeiro, Paulo Rubem, João Paulo, Tereza Leitão, Terezinha Nunes e o ex-governador Joaquim Francisco, entre outros.

Junto a Folha 97,6 FM, participarão da cobertura 26 rádios de outros Estados, como as rádios Nacional de Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo e Manaus; Itatiaia, de Minas Gerais; Sociedade, da Bahia; Cidade, do Ceará; Gazeta de Alagoas; Gaúcha, do Rio Grande do Sul; Marajoara, de Belém; Jovem Palmas, de Tocantins; Rádio Cairí, de Porto Velho; Mirante, do Maranhã; Cultura, do Mato Grosso; Difusora, do Acre e Rádio Câmara, do Distrito Federal, entre outras.

Veja também

Jacarés invadem centro comercial no Paraguai
América Latina

Jacarés invadem centro comercial no Paraguai

'Falta compostura ao presidente', diz presidente da ABI sobre ataque de Bolsonaro à imprensa
Imprensa

'Falta compostura ao presidente', diz presidente da ABI sobre ataque de Bolsonaro à imprensa