Notícias

EM APURAÇÃO - NÃO LIBERAR - Operação cumpre mandados no Recife sobre suposta fraude em licitações da

Segundo a polícia, há indícios de existência de uma organização criminosa envolvida na prática do crime

Gaeco/MPPEGaeco/MPPE - Foto: Priscilla Buhr/AMCS

A Polícia Civil de Pernambuco deflagrou nesta quarta-feira (3) a Operação Inópia, que investiga supostas fraudes em licitações para recursos públicos destinados ao combate à Covid-19. Segundo informações preliminares, há indícios da existência de uma organização criminosa envolvida na prática do crime.

Estão sendo cumpridos ao todo cinco mandados de busca e apreensão. Três são no Recife e em Paudalho, na Zona da Mata Sul, e outros dois em Goiás e no Distrito Federal. As ordens judiciais foram expedidas pela Vara de Crimes contra a Administração Pública e Ordem Tributária.

Leia também:
Covid-19: Pernambuco tem novo recorde diário de curas
PF investiga irregularidades em licitações feitas pela PCR na compra de respiradores


A Polícia Civil ainda não divulgou os alvos da operação. Uma coletiva de imprensa está marcada para esta quinta-feira (4) para informações sobre a operação. Na ocasião serão detalhadas as investigações e o resultados das buscas desta quarta.

A ação conta com o apoio da Polícia Federal, Controladoria Geral da União e Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado do Ministério Público de Pernambuco (Gaeco/MPPE).

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

Veja também

Marinha localiza corpos de dois tripulantes de navio que naufragou em direção a Noronha
Thais IV

Marinha localiza 2 corpos de tripulantes de navio que seguia para Noronha

Fiocruz reafirma importância de atividades presenciais nas escolas
Educação

Fiocruz reafirma importância de atividades presenciais nas escolas