Notícias

Emergência do Getúlio Vargas recebe 72 novos leitos

A ampliação também incluiu novas salas de consultórios e espaços para serviço social e sala de inalação/medicação

O HGV recebeu 72 novos leitos, com a conclusão das obras de readequação da emergênciaO HGV recebeu 72 novos leitos, com a conclusão das obras de readequação da emergência - Foto: Gustavo Gloria

Salas sinalizadas de acordo com a gravidade do paciente, consultórios de clínica médica, cirurgia geral, traumatologia e cirurgia vascular, espaço para serviço social e sala de inalação/medicação integram a conclusão das obras de readequação da emergência do Hospital Getúlio Vargas (GHV), localizado no bairro do Cordeiro, Zona Oeste do Recife. A entrega dos 72 novos leitos foi feita nesta segunda-feira (24), pelo secretário estadual de saúde, Iran Costa.

A ampliação da emergência do HGV é uma necessidade diagnosticada pela Secretaria. Os pacientes serão beneficiados pela qualificação do ambiente, que ganhou mais equipamentos e mais facilidade de acolhimento dos pacientes”, comentou o gestor.

Leia também:
Real Hospital Português inaugura novo consultório
Hospital do Câncer de Pernambuco inicia campanha para incentivar a doação de leite
SUS desativa 34,2 mil leitos em oito anos, diz Conselho Federal de Medicina
Bolsonaro recebe alta de UTI semi-intensiva em hospital de São Paulo


Para o diretor do hospital, Gustavo Souza Leão, a ampliação não vai resolver todos os problemas de lotação do hospital, mas vai diminuir consideravelmente o número de pacientes à espera de um leito. “Tínhamos uma emergência que ficou deteriorada com o tempo e agora temos mais condições de conforto, qualidade e novos equipamentos, tanto para os pacientes quanto para os profissionais de saúde.
A mudança é grande, mesmo sabendo que não é essa ampliação que vai resolver os problemas do hospital. Ainda teremos pacientes esperando, mas o número será bem menor

Investimento
O investimento para ampliação da emergência do HGV chegou a R$ 16,6 milhões. De acordo com Iran Costa, parte desse valor foi liberado pelo Governo Federal, em 2015, e outra parte veio dos cofres do Estado. Ainda de acordo com o secretário, a antiga emergência vai passar por reforma e novos leitos devem ser entregues em até dois meses. “Vamos começar de imediato a outra parte. No final das obras teremos ao todo cem novos leitos para os pacientes”, completou.

Veja também

Ações estimulam a arrecadação de potes de vidro e doação de leite materno; saiba como fazer entrega
Recife

Ações estimulam a arrecadação de potes de vidro e doação de leite materno; saiba como fazer entrega

"A criação do SUS foi a maior revolução da medicina brasileira", diz Drauzio Varella
SAÚDE

"A criação do SUS foi a maior revolução da medicina brasileira", diz Drauzio Varella