Covid-19

Estado de calamidade pública é prorrogado por mais 90 dias em Pernambuco

Paulo CâmaraPaulo Câmara - Foto: Divulgação

O estado de calamidade pública em Pernambuco foi prorrogado por mais 90 dias em decorrência da pandemia da Covid-19. O decreto foi publicado no Diário Oficial desta quinta-feira (23) e assinado pelo Governador do Estado, Paulo Câmara (PSB).

Válido de 1º de janeiro de 2022 a 31 de março do mesmo ano, a medida levou em consideração, segundo o texto publicado, o fato de a população brasileira não ter sido totalmente imunizada até o momento, sendo necessário o reforço e a ampliação da cobertura vacinal.
 

Assim, as medidas sanitárias para o enfrentamento da pandemia permanecem. A administração de Pernambuco poderá adotar ações mais rápidas e menos burocráticas, podendo descumprir, inclusive, metas fiscais previstas nas leis orçamentárias no período vigente. 

Recursos federais para uso no enfrentamento da pandemia também poderão ser solicitados, de acordo com o documento.

 

Veja também

Quase 100 caminhões de ajuda humanitária chegaram a Gaza pelo cais americano, diz ONU
GUERRA

Quase 100 caminhões de ajuda humanitária chegaram a Gaza pelo cais americano, diz ONU

Tragédia no RS já soma R$ 1,67 bilhão em indenizações de seguros
Rio Grande do Sul

Tragédia no RS já soma R$ 1,67 bilhão em indenizações de seguros

Newsletter