Estudantes e professores comemoram aniversário de Paulo Freire com abraço simbólico

Cerca de 150 pessoas participaram dessa comemoração que contou com estudantes de diferentes escolas municipais do Recife

Na ocasião, atores apresentaram representações teatrais sobre os feitos, o pensamento e passagens da vida de Paulo FreireNa ocasião, atores apresentaram representações teatrais sobre os feitos, o pensamento e passagens da vida de Paulo Freire - Foto: Rafael Furtado/Folha de Pernambuco

Estudantes e professores da rede municipal do Recife comemoram, nesta quinta-feira (19), o 98º aniversário de nascimento do educador recifense Paulo Freire (1921-1997), na avenida Rio Branco, no Bairro do Recife, área central da Capital.

Cerca de 150 pessoas participaram dessa comemoração, que se repetirá às 15h e às 19h desta quinta com estudantes de diferentes escolas municipais do Recife. Ao todo, 450 pessoas devem fazer parte essa celebração simbólica.

O objetivo da ação, que é promovida pela Prefeitura do Recife, através da Secretaria de Educação, é homenagear e manter viva a memória de Paulo Freire - que, se estivesse vivo, comemoraria nesta quinta 98 anos. O pedagogo morreu de ataque cardíaco em maio de 1997, no estado de São Paulo.

Leia também:
O legado eterno de Paulo Freire
Senado rejeita proposta de retirar de Paulo Freire título de Patrono da Educação
O legado de Paulo Freire para a Educação

Na ocasião, atores fizeram representações teatrais sobre os feitos, o pensamento e passagens da vida de Paulo Freire. Os estudantes também fizeram um grande círculo,  dançaram ciranda e cantaram parabéns para o escritor em ritmo de frevo, animando o boulevard.

O estudante do 7º ano da Escola Municipal Pedro Augusta, Davi Vieira, de 12 anos, participou da comemoração. Ele contou que se sente muito feliz em conhecer um pouco sobre o educador. “Eu acho que Paulo Freire foi um grande incentivador da leitura. Inclusive, eu participei de projetos e apresentações que envolviam o nome dele e a minha experiência sempre foi ótima. É sempre bom falar sobre ele”, afirmou.

Ruania Rainá, 12, também estudante da Escola Municipal Pedro Augusta, contou que conhecia pouco sobre Paulo Freire e que ficou ainda mais incentivada a estudar mais sobre ele. “Gostei muito da ação. Eu só ouvia falar, mas nunca tive contato com as obras dele, essa foi uma ótima oportunidade”, disse.

Para o secretário de Educação do Recife, Bernardo D’Almeida, essa homenagem a Paulo Freire é uma oportunidade para os estudantes conhecerem ainda mais o método que ele desenvolveu.

“Paulo Freire ajudou a rede de ensino e é o pai da pedagogia não só no Brasil, mas como no mundo. Ele é uma referencia no pensar e é a pessoa mais citada em livros da área no mundo inteiro. Essa ação tem o objetivo de mostrar para os alunos o método que ele desenvolveu que insere o estudante para que ele seja alfabetizado diante da realidade que ele vive”, afirmou.

Engajado socialmente, em 1960 ao lado do então prefeito do Recife, Miguel Arraes, Paulo Freire foi um dos fundadores do Movimento de Cultura Popular (MCP), experiência fundamental para a criação do seu método de ensino e alfabetização de adultos que utilizava palavras relacionadas ao cotidiano e realidade dos alunos, que eram em sua maioria trabalhadores e camponeses. Em 1962, ele alfabetizou 300 trabalhadores da agricultura em 40 horas, na cidade de Angicos, Sertão do Rio Grande do Norte.

Essa experiência o acabou levando o educador ao Programa Nacional de Alfabetização em 1963 pelas mãos do presidente João Goulart. O programa pretendia alfabetizar cinco milhões de brasileiros. Após o golpe militar em 1964, foi perseguido pela ditadura e acusado de agitador, tendo sido preso por 70 dias e em seguida exilado no Chile. Em 1980, com a Anistia retornou ao Brasil, sendo radicado em São Paulo onde passou a lecionar na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC).

Paulo Freire é o brasileiro com mais títulos de Doutor Honoris Causa de várias universidades, entre elas Harvard, Cambridge e Oxford e é o pedagogo mais ditado em teses e monografias na área de licenciaturas no mundo todo.

Veja também

Pernambuco registra 538 novos casos da Covid-19 e 25 mortes nas últimas 24h
Coronavírus

Pernambuco registra 538 novos casos da Covid-19 e 25 mortes nas últimas 24h

Agravamento de incêndios em Mato Grosso do Sul mobiliza senadores
Pantanal

Agravamento de incêndios em Mato Grosso do Sul mobiliza senadores