Ex-presidente do Olympique de Marselha morre vítima do coronavírus

Pape Diouf tinha 68 anos e sua morte aconteceu horas depois dele ser transferido de Senegal para Nice, na França

Pape Diouf, ex-presidente do Olympique de MarselhaPape Diouf, ex-presidente do Olympique de Marselha - Foto: AFP

O ex-presidente do Olympique de Marselha, Pape Diouf, de 68 anos, morreu nesta terça-feira (31) após ter sido infectado pelo novo coronavírus, informaram familiares. Sua morte foi em seguida confirmada pela RTS, a rede de televisão pública senegalesa.

A morte ocorreu horas após a transferência de Diouf do Senegal para Nice, no sul da França, em um avião com equipamentos médicos fretado pela embaixada da França no país africano.

Diouf havia contraído o Covid-19 e foi hospitalizado em Dacar e recebeu assistência respiratória, antes de ser transferido para um hospital em Nice.

Ex-jornalista, agente de jogadores e presidente do Olympique de Marselha de 2005 a 2009, Diouf teve participação significativa na formação da equipe que venceu o campeonato francês em 2010, após 17 anos de jejum de títulos.

Leia também:
Ex-dirigente do Náutico morre na Paraíba
Morre Lorenzo Sanz, ex-presidente do Real Madrid, vítima do coronavírus

Veja também

Arara-vermelha é resgatada durante fiscalização da PRF na BR 116, em Salgueiro
CRIME AMBIENTAL

Arara-vermelha é resgatada durante fiscalização da PRF na BR 116, em Salgueiro

Curso aprimora habilidade de idosos para identificar fake news
Educação

Curso aprimora habilidade de idosos para identificar fake news