Notícias

Ex-soldado do Exército é preso suspeito de atirar em PM no Ibura

Também foi preso um homem com tornozeleira eletrônica e um adolescente foi detido

Tornozeleira usada por ValderezTornozeleira usada por Valderez - Foto: Divulgação Polícia Civil

Um ex-soldado do Exército foi preso, na manhã desta quarta-feira (12), suspeito de atirar em um soldado da Polícia Militar durante tentativa de assalto no bairro do Ibura, Zona Sul do Recife. Junto com ele, foi preso um outro homem e um adolescente de 17 anos foi apreendido. A tentativa de latrocínio ocorreu nas primeiras horas da mesma manhã e um quarto suspeito está foragido.

O delegado da Polícia Civil João Gustavo Godoy afirma que foi uma tentativa de roubo que acabou virando tentativa de latrocínio. "Eles tinham um pedido de um carro, alguém tinha encomendado um veículo que tinha as mesmas semelhanças de marca e modelo do carro do soldado que, infelizmente, acabou sendo vítima", conta.

O caso é investigado pelo Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais (Depatri). O ex-soldado do Exército é Valderez Silva de Arruda, de 20 anos. Também foi detido Felipe Melo Silva, de 20 anos, que usava tornozeleira eletrônica - havia sido preso por roubo. Os suspeitos foram levados ao Depatri e passarão por audiência de custódia. 

Além de tentativa de latrocínio, os homens foram autuados também por receptação de veículo roubado, adulteração de sinais identificadores do veículo e formação de quadrilha. Uma arma foi encontrada na casa do quarto suspeito, Mário Miguel da Silva Neto, 24 anos, que está foragido. 

Veja também

Bebê de cinco meses é arremessado de carro e morre em acidente na BR-408, em São Lourenço da Mata
Acidente

Bebê de cinco meses é arremessado de carro e morre em acidente na BR-408, em São Lourenço da Mata

Oklahoma aprova lei que proíbe aborto desde a fecundação
Estados Unidos

Oklahoma aprova lei que proíbe aborto desde a fecundação