Recife

Explosão após vazamento de gás deixa três feridos nos Torrões; uma vítima teve 98% do corpo queimado

Acidente aconteceu por volta das 8h40, em residência na rua Professor Arthur Coutinho

Explosão em residência nos TorrôesExplosão em residência nos Torrôes - Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

Uma explosão após vazamento de gás de cozinha deixou três mulheres feridas na comunidade de Roda de Fogo, no bairro dos Torrões, na Zona Oeste do Recife. A explosão ocorreu na casa da idosa Maria Isaura Paulino, de 63 anos, que teve 98% do corpo queimado.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu por volta das 8h40 na residência de dona Maria Isaura, na rua Professor Arthur Coutinho.

Viaturas de combate a incêndio, resgate e comando operacional foram enviados ao local, mas, ao chegar, o fogo já havia sido extinto.

Os bombeiros também informaram que as vítimas já tinham sido socorridas por populares para o Hospital da Restauração, na área central do Recife. 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Folha de Pernambuco (@folhape)


Segundo a unidade de saúde, as mulheres deram entrada na Unidade de Tratamento de Queimados. Com 98% do corpo queimado, Maria Isaura está intubada em estado grave.

Moradora do imóvel ao lado, Rosivane Maria da Conceição, de 42 anos, sofreu queimaduras em cerca de 20% do corpo - foram atingidos pescoço, braços e barrida - e tem quadro de saúde estável.

Conhecida como Neni, Marilene Pereira da Silva, de 48 anos, queimou os pés em uma grade quando socorria  Maria Isaura, foi levado ao HR, mas já recebeu alta hospitalar.


A área onde o acidente aconteceu foi isolada, e a Defesa Civil foi acionada para verificar duas residências próximas que tiveram danos na estrutura.

O Corpo de Bombeiros informou que, além das três mulheres feridas, a moradora Severina Santos, de 61 anos, que vive numa casa diante da residência onde ocorreu a explosão, passou mal após o incidente e foi encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento dos Torrões, na Zona Oeste. Também já recebeu alta.

Morador do imóvel em cima da residência onde houve a explosão, Wellison da Silva, conhecido como Horácio, de 39 anos, e a mãe dele estavam em casa no momento do fogo, porém não se machuraram. O local também está interditado. Horácio também é proprietário de todo o imóvel, que compreende a parte superior e duas residências embaixo, onde moram Maria Isaura e Rosivane, respectivamente.
 

Veja também

Conhecimento indígena pode melhorar relação com o meio ambiente
Educação ambiental

Conhecimento indígena pode melhorar relação com o meio ambiente

Adaptação das cidades à crise climática exige mudança de paradigma
Meio ambiente

Adaptação das cidades à crise climática exige mudança de paradigma

Newsletter