Exposição Recife dos Presépios abre programação natalina da capital

As obras de arte ficarão em exposição na Avenida Rio Branco, localizado no Recife Antigo, até o dia 25 de dezembro, das 11h às 15h e 16h às 19h, de segunda a sábado, e das 9h às 11h e 15h às 19h, aos domingos.

Iniciando o ciclo natalino, neste domingo (09), na Av. Rio Branco, no Bairro do Recife, alunos de escolas públicas apresentaram presépios feitos com produtos recicláveisIniciando o ciclo natalino, neste domingo (09), na Av. Rio Branco, no Bairro do Recife, alunos de escolas públicas apresentaram presépios feitos com produtos recicláveis - Foto: Rafael Furtado

O exposição “Recife dos Presépios por mãos do Futuro”, promovido pela Secretaria Municipal de Educação, neste domingo (9), o evento tem atividades e atrações todos os fins de semana até o dia 6 de janeiro. No total, 397 crianças e adultos e 63 professores de 14 escolas foram envolvidos na confecção de 14 presépios, que começaram a ser produzidos em outubro. As obras de arte - cujas dimensões variam entre 1m² e 3m³, com alturas que ficam entre 1 m e 1,80 m - ficarão em exposição na Avenida Rio Branco, localizado no Recife Antigo, até o dia 25 de dezembro, das 11h às 15h e 16h às 19h, de segunda a sábado, e das 9h às 11h e 15h às 19h, aos domingos.

Leia também:
Feira de Natal movimenta o Bairro do Recife
Olha! Recife entra no clima natalino, com roteiros especiais

“Ficamos sabendo por acaso dessa exposição e estamos encantados. É importante ver o lixo jogado em nossa cidade, sendo bem aproveitado”, afirmou o fotografo Beto Neves, 37, acompanhado do seu filho de três anos e esposa. “É importante mostrar a ele a história do Natal, algo que tem sido novo para ele”, disse a dona de casa Emanuela da Silva, 32.

A ideia de reinventar tradições e promover a consciência ambiental promoveu o desafio para que os presépios fossem construídos utilizando pelo menos 50% dos materiais provenientes de resíduos tecnológicos. “Nosso presépio faz uma releitura do nascimento do menino Jesus, só que no Sertão, fazendo menção ao centenário de Lampião. Os três reis magos, são cangaceiros trazendo de presentes elementos da região para presentear Jesus”, explicou o professor Paulo Fernando, da Escola Municipal André de Melo, do bairro da Estância.

Para o agente dos Correios, Gilmar Fragoso, 40, a expectativa é de que haja mais investimento por parte da Prefeitura para o Natal da cidade. “O ideal é que se tenha investimento sempre, mas até agora tudo que tenho visto está maravilhoso. Muito bom ver esse projeto representando nossa cultura também”, afirmou. Entre os 14 presépios, serão escolhidos, por voto popular, os três mais bonitos e representativos.

O primeiro e o segundo lugares serão premiados, respectivamente, com duas apresentações e uma apresentação de atrações culturais infantis, na volta às aulas de 2019. Os alunos classificados em terceiro lugar receberão como prêmio um passeio de catamarã. O resultado será anunciado no dia 17 de dezembro.

Na próxima sexta-feira (14), a Prefeitura inaugura a decoração de Natal da cidade no Cais da Alfândega e na Avenida Rio Branco. As árvores das vias ganharão refletores e cordões de luz, além de elementos decorativos nos postes. Também será montada uma árvore de Natal com 14 metros no Cais da Alfândega.

No mesmo dia, começa a programação cultural da cidade, que homenageará pastoris. Um cortejo de nove pastoris e um reisado, além de um show em um palco montado no Cais da Alfândega, abrirão as atividades. As apresentações acontecem no local até o dia 16.

Entre as atrações confirmadas, Louvores in Concert, projeto de Almir Rouche com as crianças da Orquestra do Movimento Pró-Criança; Pastoril Giselly Andrade; Balé Deveras; Balé Popular do Recife; Pastoril Estrela Brilhante; Cia Pé-Nambuco de Dança; além do Pastoril do Veio Mangaba, com a participação ilustre dos velhos Xaveco, Maroto, Lumbrigueta e Cafuné, que reúnem o passado, o presente e o futuro da tradição do pastoril.

Veja também

Angela Merkel critica lei húngara sobre LGBT e a considera "equivocada"
Mundo

Angela Merkel critica lei húngara sobre LGBT e a considera "equivocada"

Menino de 9 anos escreve carta de apoio ao pai policial nas buscas ao 'serial killer do DF'
SERIAL KILLER

Menino de 9 anos escreve carta de apoio ao pai policial nas buscas ao 'serial killer do DF'