Exposição une infância à arte

Evento, no edifício Texas, abrigará vários quadros de pequenos talentos do Núcleo de Apoio à Criança com Câncer (Nacc)

Reunião da executiva do partido não contou com a presença de Paulo Câmara e Geraldo JulioReunião da executiva do partido não contou com a presença de Paulo Câmara e Geraldo Julio - Foto: Divulgação

 

O edifício Texas, no Centro do Recife, abrigará uma exposição com vários quadros de pequenos talentos do Núcleo de Apoio à Criança com Câncer (Nacc) mais obras de diversos artistas que doaram seus trabalhos ao núcleo, neste domingo. Alguns deles estarão presentes para o já tradicional Dia do Brincar que acontece no térreo do edifício.

O evento realizado em parceria com a empresa social Lindeza vai de 14h às 18h. As obras infantis foram produzidas nas Oficinas de Arte durante da Terapia Ocupacional no Nacc nos últimos anos. São objetos de afeto como uma casa de que sentem saudade, o jardim do prédio, o ônibus nos quais se divertem e mesmo pinturas abstratas muito particulares.
“Durante a oficina eles ficam muito quietos, envolvidos com o que estão fazendo. Os deixamos livres para usar as cores que quiserem. Alguns passam duas horas numa pintura só, outros fazem três quadros num dia! Quando eles descobriram o conceito de abstrato, foi um colorido só”, brinca a terapeuta ocupacional do Nacc Maria Cláudia Albuquerque.
O trabalho foi desenvolvido com crianças de quatro a 20 anos. “Não atendemos casos de quem tem mais de 18, mas se eles já tinham um acompanhamento conosco, nós voltamos a atender”, explica Maria. Amanhã todas as peças estarão à venda para ajudar a instituição. Algumas das obras “dos adultos” foram feitas especialmente para a exposição. Entre eles estão nomes como Ianah Maia, Java Araújo, Clarice Mendes, Samuel Sabóia e Priscila Lins.
O Dia do Brincar é uma tarde de resgate a jogos tradicionais e brincadeiras de rua. Quatro agentes do brincar vão estar presentes para não deixar ninguém morgado. “Eles vão sugerir brincadeiras, organizar o momento de pintura. Mas a ideia é que os pais e os pequenos tenham um momento juntos, de resgate da infância sem videogames, ao vivo”, traduz a fundadora do projeto Gabriela Vasconcellos.
Quem quiser ajudar o Nacc há também outras formas. Voluntários podem se inscrever durante todo o ano no site do núcleo ou levando um formulário presencialmente. De três em três meses, em média, um grupo é convocado para um treinamento antes de começar a ajudar. Conhecendo mais sobre o câncer, sobre a própria fundação e as áreas de atuação, cada voluntário decide, de forma conjunta, em que setor participar.

 

Veja também

Terceiro policial envolvido na morte de Floyd paga fiança de US$ 3,9 milhões e deixa prisão
Crime

Terceiro policial envolvido na morte de Floyd paga fiança de US$ 3,9 milhões e deixa prisão

Brasil ultrapassa 1,6 milhão de casos confirmados de Covid-19
Covid-19

Brasil ultrapassa 1,6 milhão de casos confirmados de Covid-19