Família procura professora que desapareceu em Abreu e Lima

A mulher de 46 anos está desaparecida desde às 12h da última quarta-feira (11)

A família de uma professora da rede estadual fez um apelo nas redes sociais para tentar encontrá-la. A mulher de 46 anos está desaparecida desde às 12h da última quarta-feira (11), quando teria saído de casa, no município de Igarassu, na Região Metropolitana do Recife (RMR). De acordo com os familiares, ela foi visitar o apartamento que tinha alugado na Zona Oeste do Recife, mas nunca chegou ao destino. O veículo que ela usava foi encontrado por parentes no terminal de ônibus de Igarassu. 

"Ela saiu de casa sem telefone, alegando que iria para Recife, arrumar as coisas em um apartamento que alugou, mas nunca chegou lá", disse a sobrinha da professora. Um boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia do Paulista.

Uma ex-aluna contou que ela pegou um ônibus no terminal de Igarassu, de onde seguiu até a integração de Abreu e Lima. "A última vez que foi vista foi por essa ex-aluna que pegou o mesmo coletivo. Ela estava carregando sacolas e parecia desnorteada. Minha tia desceu na integração de Abreu e Lima e não foi mais vista", acrescentou.

Leia também:
Polícia pede ajuda para localizar deficiente que desapareceu em Boa Viagem
Mulher é agredida com capacete pelo ex-companheiro na Zona Norte do Recife
Britânica que desapareceu no Rio Solimões foi vítima de latrocínio, diz polícia


A professora mora com mãe e a filha, uma jovem de 18 anos. Ainda segundo a sobrinha, ela é bastante calma, divorciada há muitos anos e não mantém contato com o ex-marido, nem possui qualquer relacionamento afetivo assumido.

*A pedido da professora, o nome dela foi removido da publicação e será mantido sob sigilo

Veja também

Mais da metade dos inscritos falta ao 1º dia do Enem em meio à pandemia
Enem 2020

Mais da metade dos inscritos falta ao 1º dia do Enem em meio à pandemia

No primeiro dia, cem são vacinados no Hospital das Clínicas
Coronavírus

No primeiro dia, cem são vacinados no Hospital das Clínicas