Fiscalização em rodovias de Pernambuco é reforçada durante o Carnaval

Iniciativa tem como objetivo contribuir com a redução da violência nas rodovias

Fiscalização da PRFFiscalização da PRF - Foto: Divulgação

Tem início nesta sexta-feira (24) e vai até a quarta (1º), a Operação Carnaval da Polícia Rodoviária Federal em Pernambuco. A iniciativa tem como objetivo contribuir com a redução da violência nas rodovias, por meio de um reforço nas ações integradas de fiscalização, combate ao crime e educação para o trânsito.

Nesse período, a Região Metropolitana do Recife recebe uma grande quantidade de visitantes do interior de Pernambuco e de outros estados, ampliando a movimentação de veículos nas estradas. Além da procura pela capital, muitas famílias também viajam para as praias do litoral Norte e Sul pela BR-101, além de participar das festas de Carnaval no interior, principalmente nas cidades de Gravatá e Bezerros, pela BR-232.

 De modo a coibir os comportamentos de risco, a PRF intensificará a fiscalização das infrações mais graves, que podem resultar em acidentes com feridos e mortes, como a alcoolemia ao volante, o excesso de velocidade, as ultrapassagens indevidas e o uso irregular de motocicletas, com o apoio de órgãos do estado e dos municípios. Nas abordagens também serão verificados a regularidade da documentação e os equipamentos obrigatórios, como o uso adequado do cinto de segurança, do capacete e do dispositivo de retenção para crianças.

O Grupo de Educação para o Trânsito realizará comandos educativos na Região Metropolitana do Recife, para conscientizar motoristas e passageiros sobre os cuidados que devem ser adotados para se evitar acidentes. Estão previstos comandos nas BR 101 e 232, em Goiana, Igarassu e Moreno, com a utilização do ônibus do Cinema Rodoviário, que é adaptado para a realização de palestras e exibição de vídeos educativos.

O combate à alcoolemia será uma das prioridades nas fiscalizações, tendo em vista que o consumo de bebidas alcoólicas aumenta no carnaval. Nesse sentido, os agentes irão operar com bafômetros para autuar e retirar das rodovias os motoristas que insistem em dirigir sob efeito de álcool. Quem se recusa a realizar o teste também está sujeito à multa de R$2.934,70, tem a carteira de habilitação recolhida e o direito de dirigir suspenso por 12 meses.

Além do reforço na fiscalização, serão intensificadas as ações de combate ao crime, com o apoio do Núcleo de Operações Especiais, do Grupo de Operações com Cães, dos Grupos de Patrulhamento Tático e do Grupo de Motociclismo da PRF. A aeronave da Base de Operações Aéreas também estará operando em conjunto com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), para realizar resgates aeromédicos e acompanhar toda a operação.

Planejamento – Informe-se previamente sobre as condições do tempo, as distâncias que percorrerá, possíveis pontos de parada, abastecimento e alimentação;
Documentos – Não se esqueça dos documentos do veículo e pessoais;

Revisão – Independente da distância a ser percorrida, faça uma revisão prévia no seu veículo. Não deixe de verificar as condições de pneus, freios e sistema elétrico. Lembre-se que mesmo durante o dia é necessário o uso dos faróis baixos ligados nas rodovias;

Respeito – Respeite as sinalizações de limites de velocidade e faixas nas vias. Respeite também aqueles que estão utilizando a rodovia além de você.

Restrições de tráfego – Para melhorar a segurança nas estradas durante esse período, a PRF restringirá o tráfego de alguns veículos de carga em rodovias de pista simples. Caminhões bitrens, cegonhas e veículos com dimensão excedente devem obedecer o período de restrição abaixo:

Veja também

Pós-Enem: como entrar no ensino superior com a nota da avaliação
Educa Mais Brasil

Pós-Enem: como entrar no ensino superior com a nota da avaliação

Vacinas já distribuídas atendem cerca de 10% dos públicos prioritários
Coronavírus

Vacinas já distribuídas atendem cerca de 10% dos públicos prioritários