Folha vence prêmio Abecip de jornalismo

Reportagem concorreu com outros 200 trabalhos do País. Premiação será dia 27 em São Paulo

Folha Folha  - Foto: Úrsula Freire/Arquivo Folha

 

A Folha de Pernambuco venceu pelo segundo ano consecutivo o prêmio Abecip de jornalismo. A reportagem “Verticalização no Caminho do Rio”, publicada em 28 de agosto deste ano no caderno Cotidiano, foi premiada com o melhor texto na categoria Educação Financeira e Responsabilidade Social na Construção Civil do concurso promovido pela Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança.
Esse é o segundo ano seguido que o repórter Marcílio Albuquerque, autor do material premiado, ganha o prêmio nacional. Neste ano, concorreu com 200 trabalhos de todo o País e venceu ao lado de veículos como O Globo e Valor Econômico. cerimônia de premiação acontece em São Paulo, no próximo dia 27.
Para a editora-chefe da Folha de Pernambuco, Patrícia Raposo, a conquista é fruto do trabalho em equipe. “A Folha faz um jornalismo sério, ético e profissional, que valoriza o trabalho em conjunto”, ressaltou a editora-chefe.
A reportagem discutiu a modificação da paisagem do Recife, desde que o mercado imobiliário se voltou para os rios. Terrenos ociosos e antigas residências saíram de cena e abriram espaço a arranha-céus, interferindo diretamente no meio ambiente e na oferta de infraestrutura local.
As transformações ocorridas na Orla de Boa Viagem, na década de 1960, se estenderam a pelo menos 10 bairros, sem a devida preocupação com o planejamento urbano. De acordo com especialistas, a aprovação de novos projetos gera preocupações quanto ao futuro. Para a matéria, o repórter ouviu arquitetos, engenheiros, pesquisadores e ambientalistas.
“Andamos pelas ruas e percebemos os problemas enfrentados pelos cidadãos, fruto de um crescimento desenfreado. A ideia foi de chamar a atenção para a necessidade de um planejamento urbano eficaz”, disse o jornalista Marcílio Albuquerque.

 

Veja também

Pernambuco registra mais 1.100 casos e 39 mortes por Covid-19
Coronavírus

Pernambuco registra mais 1.100 casos e 39 mortes por Covid-19

Centro social em Olinda é alvo de roubo e vandalismo
Violência

Centro social em Olinda é alvo de roubo e vandalismo