[Fotos] Moradores desocupam residencial onde prédio desabou, em Garanhuns

Outros dois edifícios do conjunto continuam interditados. Defesa Civil está monitorando entrada das pessoas

Escombros do prédio que desabou, em Garanhuns (PE)Escombros do prédio que desabou, em Garanhuns (PE) - Foto: Anderson Stevens/ Folha de Pernambuco

Os moradores do conjunto residencial em que ficava o prédio que desabou na última segunda (10), em Garanhuns, Agreste de Pernambuco, estão retirando seus pertences das residências. A Defesa Civil está fazendo um trabalho ordenado, monitorando a entrada das pessoas. Voluntários, como o bombeiro civil Edmilson Cosmo ajudam, a desmontar guarda-roupas e carregar móveis.

>> Leia mais:
Prefeitura decreta luto oficial de três dias em Garanhuns
Câmeras flagram desabamento de prédio em Garanhuns; veja vídeo
Segundo corpo é achado em prédio que desabou em Garanhuns
Corpo é achado em escombros de prédio que desabou em Garanhuns
[Fotos] Prédio que desabou em Garanhuns teve problemas desde a construção
[Vídeo] Mãe e bebê resgatados de prédio em Garanhuns passam bem
Prédio desaba em Garanhuns; bebê e mãe resgatados com vida

O trabalho de evacuação não tem um prazo além do "mais rápido possível" de acordo com os funcionários da prefeitura. Selma Oliveira, que é inquilina de um apartamento no bloco A do residencial há quatro anos é uma das pessoas que estão de mudança. Depois de organizar tudo na sala, espera na porta a de casa o carregamento. "Vou para casa de uma irmã e não volto mais para cá. Nem se garantirem que não vai cair", explicou. Antes da tragédia, só tinha tido problemas "de rotina" no local. "Quando quebravam uma telha ou algo assim. Mas foi muito traumático. Vi a última laje deslizando quando saí de casa", disse.

 

Veja também

Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
BRASIL

Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas

Pernambuco ganha lei que concede anistia de IPVA vencidos em 2020 para motos
QUITAÇÃO DE DÍVIDAS

Pernambuco ganha lei que concede anistia de IPVA vencidos em 2020 para motos