Ucrânia

França adverte que Rússia está preparada para uma 'ofensiva forte' contra a Ucrânia

O ministro das Relações Exteriores destaca que "nada indica hoje" que o presidente russo, Vladimir Putin, tenha tomado esta decisão

O ministro francês das Relações Exteriores, Jean-Yves Le DrianO ministro francês das Relações Exteriores, Jean-Yves Le Drian - Foto: Olivier Chassignole / AFP

O ministro francês das Relações Exteriores, Jean-Yves Le Drian, avaliou nesta segunda-feira (14) que atualmente se reúnem "todos os elementos" para uma ofensiva militar "forte" da Rússia na Ucrânia.

"Estão presentes todos os elementos para que se possa realizar uma ofensiva forte por parte das forças russas na Ucrânia? Sim, é verdade, isso é possível, é possível rapidamente", declarou à emissora France 5, destacando, no entanto, que "nada indica hoje" que o presidente russo, Vladimir Putin, tenha tomado esta decisão.

A União Europeia (UE) e seus aliados ocidentais ameaçaram impor duras sanções à Rússia, que concentrou milhares de soldados em sua fronteira com a Ucrânia, se agredir esta ex-república soviética.

Os Estados Unidos alertaram que uma invasão russa da Ucrânia poderia ser iminente.

Nesta segunda, o ministro russo da Defesa, Serguei Shoigu, anunciou que tinha terminado parte das manobras militares que a Rússia vem realizando em Belarus.

E o ministro russo das Relações Exteriores, Serguei Lavrov, declarou também nesta segunda que existe uma "possibilidade" de resolver a crise ucraniana.

Veja também

Pacientes com ELA controlam computador com a mente após colocar implante cerebral; entenda
doença

Pacientes com ELA controlam computador com a mente após colocar implante cerebral; entenda

Milei lança 'pacote anticasta' no Congresso
AMÉRICA DO SUL

Milei lança 'pacote anticasta' no Congresso