Funase anuncia parceria com o Centro Estadual de Combate à Homofobia

O Centro atua na garantia dos direitos e do respeito à livre orientação afetivo/sexual e identidades de gênero em Pernambuco

Os casamentos entre cônjuges femininos representaram 57,5% das uniões civis dessa natureza, em 2017Os casamentos entre cônjuges femininos representaram 57,5% das uniões civis dessa natureza, em 2017 - Foto: Pixabay

A Funase anunciou nesta segunda-feira (17) uma parceria com o Centro Estadual de Combate à Homofobia (CECH), órgão vinculado à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos. A união serve ao propósito de melhorar e garantir os direitos dos jovens que façam parte da população LGBT, promovendo capacitação e sensibilização entre os operadores do sistema socioeducativo do estado.

Entre os jovens, questões voltadas a sexualidade tendem a gerar conflitos internos e externos. Para auxiliar no tratamento dessas questões e auxiliar no resgate da dignidade desses jovens, a CECH vai contar com o apoio de dois advogados, um assistente social, dois psicólogos e dois assistentes administrativos.

De acordo com a diretora geral da política de atendimento, Iris Borges, “ Esse é um trabalho importantíssimo para a melhoria da qualidade do atendimento para os internos” . De acordo com a organização, o trabalho será realizado com todos os operadores do sistema socioeducativo, agentes, equipes técnicas e gestores; começando nas unidades da Região Metropolitana e, em um segundo momento, chegando ao interior do estado.

Veja também

"Tomem a vacina que a esperança não deixa de acabar", disse a primeira vacinada em Pernambuco
Coronavírus

"Tomem a vacina que a esperança não deixa de acabar", disse a primeira vacinada em Pernambuco

Momento histórico: vacina contra a Covid-19 é aplicada pela primeira vez em Pernambuco
Coronavírus

Momento histórico: vacina contra a Covid-19 é aplicada pela primeira vez em Pernambuco