Funase ganha novo laboratório de informática

A doação de dez computadores foi permitida por conta de uma articulação da Vara Regional da Infância e Juventude de Goiana, que atende os socioeducandos de Timbaúba

Funase recbe doação de computadoresFunase recbe doação de computadores - Foto: Divulgação/ Funase

Um dos equipamentos de reeducação de adolescentes do estado recebeu um novo laboratório de informática. A Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase), na unidade do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) de Timbaúba, na Mata Norte, recebeu a doação de dez computadores. Com o equipamento agora é possível oferecer aos reeducandos o curso de Informática Avançada, além de outros cursos que a instituição disponibiliza.

A doação for permitida por conta de uma articulação da Vara Regional da Infância e Juventude de Goiana, que atende os socioeducandos de Timbaúba, pelo intermédio do juiz Tito Lívio. Os equipamentos foram doados pela Klabin, uma indústria de papéis. A unidade tem a capacidade para receber até 71 alunos, do sexo masculino, com idades entre 12 e 18 anos, excepcionalmente até os 21 anos incompletos.

Leia também:
UFRPE oferece cursos gratuitos a distância e semipresenciais
Um terço dos candidatos às universidades não têm acesso à EAD
Cloroquina pode ser prejudicial para pacientes com Covid-19, afirmam professores de Oxford e Birmingham


"O laboratório do Case Timbaúba é um dos mais bem utilizados, potencializando o acesso dos socioeducandos ao universo digital. O êxito nos cursos de Informática Básica e Intermediária fará com que possamos iniciar a primeira turma de Informática Avançada, nunca antes ofertada na Funase”, diz o coordenador do Eixo Profissionalização, Esporte, Cultura e Lazer da Funase, Normando de Albuquerque.

Ainda segundo o coordenador, na unidade de interação, os jovens tem acesso à escolarização, educação profissional, esporte, cultura e lazer. A maior parte das atividades acontecem dentro da unidade, mas também acontecem visitas externas que são guiadas. "É o nosso papel promover isso. Esse ano, um grupo de adolescentes foram ao Teatro Santa Isabel durante o Janeiro de Grandes Espetáculos", comentou Normando.

Para os alunos, nas aulas do curso de Informática são abordados conteúdos como software, hardware, pacote office e elaboração de currículos. No Case de Timbaúba também são oferecidos cursos de operador logístico e de barbearia.
A estimativa de formação de alunos na unidade é de 200 alunos por ano, considerando a turma cheia, com dez alunos. Em função da pandemia do novo coronavírus as turmas foram reduzidas a quatro alunos por sala. A redução do tamanho das turmas foi necessária segundo a organização para não haver a interrupção na oferta da educação profissional dos jovens. Além de medidas higiênico-sanitárias que foram adotadas pela unidade para o resguarde dos socioeducandos e dos funcionários.

Veja também

Fiocruz entrega 2,2 milhões de doses de vacinas ao PNI
IMUNIZANTE

Fiocruz entrega 2,2 milhões de doses de vacinas ao PNI

Biden afirma que novas restrições serão impostas nos EUA em função da Covid-19
VARIANTE DELTA

Biden afirma que novas restrições serão impostas nos EUA em função da Covid-19