Fundação Altino Ventura recebe prêmio em Portugal

Instituição europeia Fundação Champalimaud destaca FAV por suas ações de combate à cegueira

Premiação ocorreu em PortugalPremiação ocorreu em Portugal - Foto: Divulgação/Fundação Champalimaud

A Fundação Altino Ventura (FAV) recebeu, por suas ações de combate à cegueira e à reabilitação visual, o Prêmio António Champalimaud de Visão – 2019, nesta quarta-feira (4), em Lisboa, Portugal. A premiação foi entregue aos dirigentes da FAV pelo presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa.

Além do FAV, o Instituto da Visão - IPEPO e o Serviço de Oftalmologia da Universidade Federal de Campinas (Unicamp) foram outras duas organizações selecionadas para dividir a premiação de 1 milhão de euros. O valor será utilizado para financiar projetos voltados à saúde ocular.

O prêmio é considerado o mais importante do mundo voltado à oftalmologia e é apoiado recebe apoio da iniciativa "Visão 2020 – O direito à visão", da Organização Mundial da Saúde e da Agência Internacional para a Prevenção da Cegueira.

Leia também:
Mortes por sarampo no Brasil vão a quatro; casos em 90 dias se aproximam de 2.800
Bactéria pode ter agravado surto de microcefalia no Brasil, diz estudo
Pacientes especiais têm calendário de vacinação atualizado 

O júri é constituído por cientistas internacionais e figuras públicas cujas vidas têm sido dedicadas à resolução de desafios enfrentados por países em desenvolvimento.

Veja também

Apesar de pressão, sindicatos de professores não conseguem impedir reabertura de escolas no País
Educação

Apesar de pressão, sindicatos de professores não conseguem impedir reabertura de escolas no País

Letalidade da Covid-19 no Brasil está em torno de 3%
Coronavírus

Com quase 137 mil mortos pela Covid-19, Brasil tem taxa de letalidade em torno de 3%