Givanildo Oliveira: "Agora é vida ou morte"

Treinador alvirrubro garantiu que partida diante do Goiás, na próxima terça (8), será crucial para sequência alvirrubra na Série B

Ilana VenturaIlana Ventura - Foto: divulgação

O técnico Givanildo Oliveira foi o único a se pronunciar após a derrota do Náutico, neste sábado (5), para o CRB. Embora esteja fora do G4, o treinador garantiu que ainda há muito campeonato pela frente e voltou a afirmar que, caso o Timbu ganhe três partidas das quatro que ainda restam, é possível chegar à Série A. Givanildo também concluiu que o gol de Tiago Adan, anulado pela arbitragem, era legal, mas preferiu focar no próximo compromisso, que já ocorre terça-feira (8), diante do Goiás, na Arena de Pernambuco. "Agora é vida ou morte", afirmou. 

Gol anulado:

“Foi um jogo muito equilibrado. Tivemos alguns lances em que poderíamos ter feito gol. Na minha visão, o gol de Tiago foi real. Eu estava bem posicionado e vi. Claro que vou procurar ver de novo depois, mas, a princípio, acredito que foi legal. Mas não jogamos o suficiente para ganhar. Claro que um gol faz falta, porque ao final vimos que poderia ter sido empate e ficaríamos com um ponto a mais, que no momento seria muito importante.”

Queda de rendimento no segundo tempo:

“Primeiro eu tenho que dizer que às vezes é normal. O CRB estava jogando em casa e precisava forçar mais. Acabamos ficando com dificuldade, principalmente na segunda bola, isso fez com que a gente corresse mais. Conseguíamos tocar a bola, girar, mas infiltração mesmo, bola de gol, não encontramos.”

Sequência final da Série B:

“Ainda temos pontos para disputar e continuo acreditando que, se ganharmos três jogos, conseguimos subir. É ter paciência, procurar fazer o melhor para ganhar do Goiás em casa e ver como fica nossa situação para o próximo jogo. Não temos como pensar em acesso sem antes ganhar a próxima partida. Vou ver como está o grupo, concentrar e ganhar esse jogo. Não tem como, agora é vida ou morte.” 

Veja também

Estados Unidos tem recorde de 80 mil novos casos de Covid-19 em 24 horas
Coronavírus

Estados Unidos tem recorde de 80 mil novos casos diários de Covid

Sonda da Nasa perde amostras de asteroide no espaço
Espaço

Sonda da Nasa perde amostras de asteroide no espaço