Governo de São Paulo decide prorrogar quarentena no estado diante do coronavírus

O isolamento social foi determinado por decreto em 24 de março e já foi prorrogado

Quarentena em São Paulo é prorrogada até 10 de maioQuarentena em São Paulo é prorrogada até 10 de maio - Foto: Governo de SP/Flickr

O governo de São Paulo decidiu nesta sexta-feira (17) estender a quarentena no estado para tentar diminuir o contágio pela Covid-19. A nova data deverá ser anunciada em comunicado à imprensa nas próximas horas. O isolamento social foi determinado por decreto em 24 de março e já foi prorrogado uma vez, em 8 de abril, com validade até o dia 22, próxima quarta-feira.

Leia também:
São Paulo tem mais de 1,5 mil curados da Covid-19
Bolsonaro diz que avalia enviar ao Congresso projeto para flexibilizar isolamento

O comitê de crise está reunido na manhã desta sexta discutindo as possibilidades, se manterá o isolamento nos mesmos termos ou se fará ajustes. Nos últimos dias, prefeitos do interior do estado têm emitido decretos municipais permitindo a reabertura parcial ou total do comércio.

Os hospitais públicos de referência da capital, no entanto, já têm mais de 80% de ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) por causa da Covid-19
As mortes nas periferias também têm aumentado. E cemitérios municipais já contabilizam cerca de 1/3 dos enterros como sendo de vítimas do novo coronavírus ou pessoas com exames de detecção da Covid-19 pendentes.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

 

Veja também

Pernambuco registra 1.450 novos casos e 29 óbitos por Covid-19
Coronavírus

Pernambuco registra 1.450 novos casos e 29 óbitos por Covid-19

Covid-19: entidade orienta sobre vacinação em pacientes reumáticos
Saúde

Covid-19: entidade orienta sobre vacinação em pacientes reumáticos