Governo já repatriou 11,7 mil brasileiros desde o início da pandemia

Segundo o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, os brasileiros que estão no exterior estão espalhados por 90 países

Ministro das Relações Exteriores, Ernesto AraújoMinistro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo - Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, disse nessa quarta-feira (8) que o governo brasileiro já repatriou 11,7 mil brasileiros que procuraram as embaixadas do Brasil em vários países para retornar ao país, devido as restrições de deslocamento provocadas em todo o mundo pela pandemia do novo coronavírus.

Em entrevista à TV Brasil, o ministro também afirmou que mais 6 mil devem ser repatriados. Segundo Ernesto Araújo, os brasileiros que estão no exterior estão espalhados por 90 países. Mesmo com dificuldades logísticas provocadas pelo fechamento de aeroportos e fronteiras, todos devem retornar por meio de voos fretados pelo governo federal ou por vias terrestres, no caso de quem estiver na América do Sul.

Leia também:
Total de repatriados chega a 11,5 mil, aponta balanço do governo
Isolamento contra a Covid-19 não é adotado por 28% dos brasileiros
Brasileiros são chamados de 'corona' no exterior


‘Vamos atender todos os brasileiros que estavam viajando e, de repente, se viram nessa dificuldade, quase todos os países fechando o espaço aéreo, voos cancelados, as pessoas muitas vezes sem ter onde ficar”, disse.

De acordo com o ministro, a maioria dos brasileiros que querem voltar ao país está em Portugal, onde 1,3 mil aguardam para retornar.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

Veja também

Vacinação pode começar com Coronavac, imunizante que Bolsonaro afirmava que não compraria
Brasil

Vacinação pode começar com Coronavac, imunizante que Bolsonaro afirmava que não compraria

Ministério da Saúde enviará 80 cilindros de oxigênio para Manaus
Caos na saúde

Ministério da Saúde enviará 80 cilindros de oxigênio para Manaus