Saúde

Hemope promove semana para incentivar doação de medula óssea

Cada doador que se cadastrar no mês de setembro receberá um boton de identificação pelo seu reconhecimento de ser um doador de medula óssea

Sede do HemopeSede do Hemope - Foto: Divulgação

Com objetivo de celebrar a Semana de mobilização nacional para doação de medula óssea, a Fundação Hemope realiza, entre 13 e 18 de setembro, um evento dedicado ao incentivo à doação de Medula Óssea. 
 
A ação pretende estimular novos candidatos a doadores para cadastro no banco do Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (Redome).
 
A Fundação trará alguns doadores que foram compatíveis e doaram medula óssea para abrilhantar o evento e incentivar outros candidatos, além de depoimentos gravados por eles sobre o seu sentimento de  nobreza em ser a esperança de outras vidas. 
 


Cada doador que se cadastrar no mês de setembro receberá um boton de identificação pelo seu reconhecimento de ser um doador de medula óssea.  
 
Os critérios para se tornar um doador de Medula Óssea são simples: é necessário estar bem de saúde, não apresentar nenhuma  doença infecciosa ou incapacitante e ter idade de 18 a 35 anos.  
 
Para o cadastro no banco do Redome, é preciso procurar o Hemocentro Recife de segunda a sexta-feira, no horário de 8h às 16h, portando documento oficial com foto, além de participar de uma pequena palestra para tirar as dúvidas sobre o assunto, que é realizada momentos antes do cadastro.
 
Atualmente, o Estado de Pernambuco conta com mais de 157.930 doadores cadastrados no Redome, e a expectativa com a ação é aumentar cada vez mais esse número, fazendo com que mais pessoas estejam em condições de salvar vidas, quando for necessário.

 

Veja também

Comitê recomenda que réveillon no Rio de Janeiro seja mantidoPandemia

Comitê recomenda que réveillon no Rio de Janeiro seja mantido

A cada dois minutos uma criança é infectada com HIV no mundo, diz UnicefSaúde global

A cada dois minutos uma criança é infectada com HIV no mundo, diz Unicef