Violência

Homem confessa estupro de estudante de medicina e diz que se arrepende

Wellington da Silva Ferreira alegou que estava sob efeito de drogas e disse que vítima estava "no lugar errado, na hora errada"

Evangélico, João Campos (PSDB/GO) é autor do projeto da 'cura gay'Evangélico, João Campos (PSDB/GO) é autor do projeto da 'cura gay' - Foto: Internet

O ex-presidiário que estuprou uma estudante de medicina, no último dia 16, no bairro do Parnamirim, na Zona Norte do Recife, disse que se arrependeu de ter cometido o crime. Wellington da Silva Ferreira, de 30 anos, que foi preso na última quarta-feira (14), em Limoeiro, no Agreste, informou que o objetivo era assaltar a mulher, mas que, como estava sob efeito de drogas, acabou estuprando a vítima.

Matuto, como é conhecido, chegou, na manhã desta quinta-feira (15), na Delegacia da Mulher, no Bairro do Recife, na área Central da capital pernambucana, e confessou o crime. "Eu confesso que estuprei a estudante. Eu saí de manhã pra assaltar, mas não escolhi a vítima. Foi por acaso e ela que estava no lugar errado e na hora errada", comentou o criminoso. Ele também disse que foi a rpimeira vez que ele cometeu um crime de estupro.

"Sim, ele confessa em depoimento o crime de Parnamirim. Inicialmente, disse que iria praticar apenas um assalto, pois é usuário de crack e precisava de dinheiro pra comprar a droga. Ia fazer assaltos nas mediações de um banco onde estava, segundo ele 'saidinhas de banco'. Mas, ele disse que lhe faltou coragem e só por volta de 20h, quando havia pouca movimentação na rua, resolveu abordar a vítima. Segundo ele, durante o assalto, no meio do caminho decidiu consumar o estupro. Apesar de ele negar o envolvimento em outros casos, não vamos descartar esse fato e tudo será investigado", comentou a delegada do caso, Ana Elisa Sobreira.

Veja também

Após morte de George Floyd, capas de revistas com negros disparam
EUA

Após morte de George Floyd, capas de revistas com negros disparam

Em evento no Recife, ministro da Educação diz que 140 prefeituras terão de prestar contas ao TCU
EM EVENTO NO RECIFE

Em evento no Recife, ministro da Educação diz que 140 prefeituras terão de prestar contas ao TCU