Homem é detido por furto de energia e agressão

Caso aconteceu na manhã desta sexta-feira, no bairro de Sítio Novo, em Olinda

Oswaldo Montenegro faz show inédito no RecifeOswaldo Montenegro faz show inédito no Recife - Foto: Ana Paula Oliveira/ Divulgação

Um homem foi detido após ter destruído um carro e ter ameaçado técnicos da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe). O caso aconteceu na manhã desta sexta-feira (30). 

O homem foi levado para a Central de Plantões da Capital, localizada na avenida Agamenon Magalhães, no bairro de Campo Grande, na Zona Norte do Recife. Segundo a Celpe, no momento da detenção, o homem ainda tentava instalar uma ligação clandestina de energia na rua Maria Dourado, no bairro de Sítio Novo em Olinda.

Segundo relato dos técnicos da companhia, que tinham se dirigido ao local para executar a suspensão do fornecimento de energia por inadimplência, o homem os ameaçou a equipe com uma faca e quebrou os vidros do carro. A Polícia Militar foi acionada e, após realizar buscas na região, encontrou o homem, que instalava uma gambiarra.

O homem deverá responder por agressão, crime contra o patrimônio e roubo de energia. A Celpe lembra que o furto de energia é crime, previsto no artigo 155 do Código Penal Brasileiro, e está sujeito à punição de dois a oito anos de prisão para o infrator.

Veja também

Nordeste pode ter segunda onda de Covid-19 nos próximos meses, alerta comitê
Coronavírus

Nordeste pode ter segunda onda de Covid-19 nos próximos meses, alerta comitê

Artrite reumatoide: apenas 47% dos pacientes procuram ajuda médica
Saúde

Artrite reumatoide: apenas 47% dos pacientes procuram ajuda médica