ataque

Homem é preso por atacar clientes de restaurantes com um machado na Nova Zelândia

Quatro pessoas foram levadas a hospitais da região com ferimentos leves

Momento da prisão do homem que atacou clientes em restaurantes na Nova Zelãndia Momento da prisão do homem que atacou clientes em restaurantes na Nova Zelãndia  - Foto: Reprodução de vídeo

Um homem foi acusado de agressão, nessa terça-feira (20), depois de atacar clientes de três restaurantes chineses, na cidade de Auckland, na Nova Zelândia, com uma arma parecida com um machado, ferindo quatro pessoas, disse a polícia.

As autoridades foram ao local por volta das 21h (hora local) de segunda-feira, após "várias ligações" denunciando agressões nos restaurantes Zhangliang Malatang, Yues Dumpling Kitchen e Maya Hotpot.

A mídia informou que o homem, que seria de nacionalidade chinesa, entrou nos restaurantes, próximos uns dos outros, e atingiu aleatoriamente alguns clientes com um machado. Quatro pessoas tiveram ferimentos leves e foram levadas a hospitais da região.

O suspeito, de 24 anos, foi levado sob custódia e compareceu perante um tribunal local, onde foi acusado de agir com a intenção de causar lesões corporais graves. A polícia indicou que acusações adicionais poderiam ser feitas contra ele.

O inspetor Stefan Sagar disse que a polícia considera este um incidente isolado e que não há evidências que indiquem que foi um ataque com motivação racial.

Veja também

Cachorro mais alto do mundo é reconhecido pelo "Guinness"; veja altura e imagens
FOLHA PET

Cachorro mais alto do mundo é reconhecido pelo "Guinness"; veja altura e imagens

Deslizamento de terra deixa seis mortos em zona turística do Equador
Tragédia

Deslizamento de terra deixa seis mortos em zona turística do Equador

Newsletter