Polícia

Homem suspeito de balear soldado da Radiopatrulha no Recife é preso em Paulista

Suspeito estava escondido em área de mata e conseguiu fugir, mas terminou preso na praça do bairro da Mirueira

Carro usado no crime foi encontrado no bairro de Ouro Preto, em OlindaCarro usado no crime foi encontrado no bairro de Ouro Preto, em Olinda - Foto: Divulgação/Polícia Militar de Pernambuco

O suspeito de balear um soldado do Batalhão de Radiopatrulha foi preso pela Polícia Militar de Pernambuco, na noite dessa segunda-feira (29), no bairro da Mirueira, em Paulista, Região Metropolitana do Recife (RMR).

A tentativa de homicídio ocorreu horas antes, durante a manhã, na rua Corredor do Bispo, no bairro da Boa Vista, área central do Recife. O soldado acompanhava um familiar em uma consulta médica.

Após o soldado ser baleado, uma equipe do Batalhão recebeu informações de que o suspeito havia sido localizado pelo GPS da tornozoleira eletrônica. Ele estava escondido na mata da Mirueira.

Um cerco foi montado na área de mata e o suspeito conseguiu fugir para a praça do bairro, onde terminou sendo capturado. 

Ao ser questionado pelos policiais que efetuaram a prisão, o suspeito indicou o local onde havia escondido a arma do crime, uma pistola calibre .380, que tinha sido escondida pela namorada dele. Ela, aliás, foi levada ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no bairro do Cordeiro, Zona Oeste do Recife, onde foi autuada.

Ainda foi localizado um carro no bairro de Ouro Preto, em Olinda, também na RMR. O veículo foi usado no crime, que contou com a ajuda de um sobrinho do suspeito. 

"Ele [o suspeito] diz que foi [com ajuda do] sobrinho, mas não conseguimos encontrar. Levaram o carro para Ouro Preto e queimaram lá. Ele confessou que rouba carro e vai para o motel gastar dinheiro. Era um coisa constante", disse o comandante da Radiopatrulha, o tenente-coronel Flávio França. Esse sobrinho não foi localizado e segue foragido.

O policial baleado passa bem. Ele levou um tiro nas costas e outro em um dos braços. "Recebeu alta e está em casa se recuperando. Ele não estava trabalhando", acrescentou o comandante.

O soldado havia reagido ao assalto e também baleou o suspeito, que foi atingido nas nádegas. "Ele diz que não foi baleado no caso do soldado, mas sabemos que sim", finalizou o tenente-coronel Flávio. 

O suspeito e o material apreendido também foram encaminhados para o DHPP.

Veja também

Moradores fecham pista da Av. Agamenon Magalhães após fio de alta tensão cair em rua da Zona Norte
Recife

Moradores fecham pista da Av. Agamenon após fio de alta tensão cair em rua da Zona Norte

Índia proíbe plásticos de uso único para combater o desperdício
Meio Ambiente

Índia proíbe plásticos de uso único para combater o desperdício