Homens invadem bancos de shopping no Cabo de Santo Agostinho

Seis homens armados com espingardas calibre 12 invadiram o Costa Dourada na madrugada desta quarta-feira

Suspeitos explodem caixas eletrônicos no shopping Costa DouradaSuspeitos explodem caixas eletrônicos no shopping Costa Dourada - Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

Seis homens armados com espingardas calibre 12 e fuzis invadiram, na madrugada desta quarta-feira (26), a Caixa Econômica Federal e outros bancos dentro do Shopping Costa Dourada, no bairro do Rosário, no Cabo de Santo Agostinho.

Os suspeitos utilizaram um carro para invadir o shopping e renderam dois vigilantes do estabelecimento, fazendo um deles de refém. Eles também espalharam grampos da PE-60 e na entrada do estabelecimento.

De acordo com a polícia, um dos vigilantes saiu correndo e os meliantes efetuaram vários disparos. Os suspeitos não foram encontrados: "Segundos informações iniciais, os suspeitos teriam fugido em uma viatura encontrada posteriormente abandonada. Em uma outra versão, eles teriam fugido a pé e seguido em direção ao bairro Garapu, no Cabo de Santo Agostinho. Essas informações ainda serão checadas pelas nossas equipes", afirma Giovani Santoro, Chefe de Comunicação da Polícia Federal.

Segundo a Polícia Federal, o vigilante que foi refém dos suspeitos ainda não teve condições de prestar depoimento. Equipes da PF estão realizando a perícia no local e verificando se não restou nenhum artefato explosivo nos caixas.

A ação apresenta semelhanças com outros casos de explosões à caixas eletrônicos no estado: "Grampos na via, rodovias fechadas e grupos fortemente armados são algumas das semelhanças. Eles conhecem o local e analisam as falhas de segurança, ou seja, é uma quadrilha extremamente organizada.", explica Giovani Santoro. Nas investigações, a Polícia Federal não descarta nenhum possibilidade: "Não podemos dizer que se trata da mesma quadrilha que está atuando na capital e no interior, mas não podemos descartar nenhuma hipótese", reitera Santoro.

A quantia levada na ação ainda não foi divulgada.

Veja também

Amazônia já tem mais queimadas em 2020 do que em todo o ano passado
meio ambiente

Amazônia já tem mais queimadas em 2020 do que em todo o ano passado

Pandemia causa atrasos nas obras de recuperação de Mariana
Mariana

Pandemia causa atrasos nas obras de recuperação de Mariana