Hospital de campanha da Prefeitura de Goiana ficará pronto em maio

Unidade do hospital de campanha será instalada na Upinha de Goiana

Unidade deve ser concluída em 30 diasUnidade deve ser concluída em 30 dias - Foto: Divulgação

A Prefeitura de Goiana, através das secretarias de Saúde e Obras, vai inaugurar em maio um hospital de campanha, para atendimento de pacientes no reforço às ações para mitigar os efeitos da pandemia causada pela Covid-19. A unidade será instalada na estrutura da Upinha de Goiana, localizada na margem da PE-75. 

Leia também:
Bancos reforçam atendimento remoto para evitar filas 

A reforma para a adequação do espaço utiliza recursos próprios do município e foi iniciada na tarde desta segunda-feira (13/4). E, segundo a secretária de Obras, Isabela Soares, a previsão contratual para conclusão dos serviços é de 30 dias. 

De acordo com o secretário de Saúde de Goiana, Alexandre Ricardo, o hospital de campanha será importantíssimo para salvar vidas. "Estaremos com toda essa grande estrutura funcionando já no mês de maio. Nesse hospital de campanha teremos pelo menos 40 leitos e receberemos pacientes que começarem a sentir sintomas mais severos e necessitem de internação e, também, aqueles que estejam se recuperando da Covid-19 e já não precisam de uma UTI", disse o secretário.

O prefeito em exercício de Goiana, Eduardo Honório, afirmou que a atual gestão está fazendo grandes investimentos e  trabalhando com transparência para cuidar da saúde dos goianenses. "Estamos investindo pesado em saúde pública e divulgando todas as  nossas ações com total transparência. E, agora teremos esse hospital de campanha que irá ampliar a nossa capacidade de atendimento. Estamos fazendo a nossa parte. Peço a população que também faça a sua, ficando em casa e obedecendo o isolamento social", disse o gestor.

Apesar do prazo contratual para o término dos serviços ser de 30 dias, o prefeito Honório confirmou que há a expectativa de que este prazo seja encurtado devido a necessidade de ampliar e qualificar a rede municipal de saúde, neste período de pandemia.

Veja também

Governo de Pernambuco faz nova ameaça de restringir acesso aos parques
Covid-19

Governo de Pernambuco faz nova ameaça de restringir acesso aos parques

Brasil tem 1.340 mortes e mais de 64 mil casos da Covid-19 registrados em 24 horas
Boletim Pandemia

Brasil tem 1.340 mortes e mais de 64 mil casos da Covid-19 registrados em 24 horas