Igarassu ganha escola técnica estadual e deve ganhar instituição federal

Novidade foi anunciada durante a abertura do ano letivo da rede estadual

A nova escola técnica tem capacidade para receber 1.200 estudantesA nova escola técnica tem capacidade para receber 1.200 estudantes - Foto: Arthur Mota / Folha de Pernambuco

Igarassu, na Região Metropolitana do Recife (RMR), deve receber uma escola técnica federal, vinculada ao Instituto Federal de Pernambuco (IFPE). A novidade foi anunciada pelo ministro da Educação, Mendonça Filho, em visita ao Estado nesta segunda-feira (5), onde participou da inauguração da Escola Técnica Estadual (ETE) Jurandir Bezerra Lins, localizada no mesmo município e que foi construída por meio de uma parceria entre a União e o Governo de Pernambuco. No mesmo evento, que também marcou a abertura do ano letivo na rede pública, o governador Paulo Câmara prometeu construir quatro novas ETEs no Estado até o final de 2018, alcançando a marca de 45 instituições.

A nova escola técnica, em Igarassu, tem capacidade para receber 1.200 estudantes, e já tem 250 pessoas matriculadas. Nela, serão ofertados cursos de Desenvolvimento de Sistemas e Guia de Turismo. Neste ano a escola contará apenas com os 250 estudantes dos 1° anos do ensino médio, as demais turmas serão preenchidas à medida que os estudantes forem aprovados para o ano subsequente.

Para estudar numa ETE é preciso participar do processo de seleção que costuma ser aberto em meados de novembro. "Em uma década nós saímos de seis para quase 45 escolas técnicas, então, há uma priorização do Governo atual e dos anteriores em relação ao curso técnico", declarou o governador Paulo Câmara sobre a importância da formação técnica para os jovens.

Leia também:
Presos fazem exame para certificação de ensino
Nova escola será construída na Ilha de Itamaracá
Novo ensino médio deixará legado para a educação

A ansiedade é grande entre os matriculados na instituição. A menina Júlia Maria, 15 anos, está ansiosa para fazer o curso de guia de turismo. “Quero aprender alguma coisa para ter futuro e ficar rica”, disse aos risos. Já Eduarda Beatriz, 14, vai cursar desenvolvimento de sistemas. “Espero que eu estude mais, que eu seja alguém na vida, já fiz curso de informática e gosto muito da área”, comentou.

Antes, a gestão já havia anunciado que 20 escolas estaduais regulares, localizadas na RMR, passariam a ter matérias optativas na carga horária, e outras 17 instituições ganhariam funcionamento em tempo integral. Ainda, outras instituições de referência em ensino médio (EREM) passam a ser escolas técnicas, como a unidade localizada no Porto Digital, no Bairro do Recife.

Veja também

Fenômeno raro, meteoro brilhante é visto no céu do Sertão de Pernambuco
Astronomia

Fenômeno raro, meteoro brilhante é visto no céu do Sertão de Pernambuco

Movimento tímido no primeiro dia de praias liberadas no Recife
Coronavírus

Movimento tímido no primeiro dia de praias liberadas no Recife