Igor elogia Mateus Muller e ressalta confiança no acesso

Defensor não demonstrou preocupação com mudanças no time titular do Náutico

Danilo Cabral protocola o documentoDanilo Cabral protocola o documento - Foto: Sérgio Francês/Divulgação

Com apenas 21 anos e vivendo a pressão de ajudar o Náutico a subir para a Série A do Campeonato Brasileiro, o zagueiro Igor Rabello está tendo que conviver com as cobranças nesta reta final de Série B. Ainda que diante do CRB, no próximo sábado (5), o Timbu precise passar por mudanças no time titular por conta de algumas suspensões, o jogador mostrou-se confiante em um bom desempenho alvirrubro.

“É a primeira vez na carreira que estou vivenciando isso e sei da responsabilidade que é. Todos querem o acesso, a torcida e a gente, até para melhorar nosso currículo”, pontuou, destacando uma das vantagens do Timbu nesta reta final da Segundona. “Só dependemos de nós mesmos para subir. Se ganharmos todos os jogos, conseguiremos isso”, analisou o zagueiro.

Questionado sobre os números do time alagoano – o CRB é dono do segundo melhor ataque da Segundona, mas também possui a pior defesa do campeonato -, Rabello demonstrou não estar muito apegado a isso. “Não podemos entrar pensando se a zaga deles é uma das piores ou se o ataque é um dos melhores. Temos que entrar pensando em conseguir os três pontos”, declarou.

Com Gaston Filgueira suspenso e Mateus Muller ocupando seu lugar, Igor fez questão de passar confiança para novo companheiro do lado esquerdo de defesa . “Mateus foi titular contra o Vasco. Ele é mais ofensivo que Gaston, mas me ajudou bastante no jogo. Eles (CRB) têm um atacante de qualidade, mas vamos fechar a casinha para levar essa vitória para casa”, finalizou.

Veja também

Amazônia já tem mais queimadas em 2020 do que em todo o ano passado
meio ambiente

Amazônia já tem mais queimadas em 2020 do que em todo o ano passado

Pandemia causa atrasos nas obras de recuperação de Mariana
Mariana

Pandemia causa atrasos nas obras de recuperação de Mariana