Infectado com coronavírus, médico do Reims se suicida

Bernard Gonzales tinha 60 e havia deixado uma carta afirmando ter testado positivo para a Covid-19

Bernard Gonzalez era médico do ReimsBernard Gonzalez era médico do Reims - Foto: Twitter/Reprodução

O médico do Reims, clube da primeira divisão do futebol francês, Bernard Gonzalez, se suicidou aos 60 anos, infectado pelo novo coronavírus, informaram neste domingo (5) à AFP fontes concordantes.

"Ferido, o Stade de Reims chora neste domingo a perda do doutor Bernard Gonzalez. O médico do clube, mas também de centenas de cidadãos e cidadãs de Reims. O médico de todas as epopeias e de nossos últimos 23 anos", lamentou o clube da Ligue 1 em comunicado.

Leia também:
Ex-presidente do Olympique de Marselha morre vítima do coronavírus


Contactado pela AFP, o prefeito da cidade, situada no nordeste francês, Arnaud Robinet, explicou ter sido informado do "suicídio" do doutor Gonzalez pelo prefeito de La Marne, uma cidade vizinha, que também informou que o médico "deixou uma carta em que menciona ter dado positivo para Covid-19".

Outra fonte médica confirmou à AFP a existência desta carta, mas garantiu que o doutor Gonzalez parecia estar "em plena forma há dois dias".

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

 

Veja também

Arara-vermelha é resgatada durante fiscalização da PRF na BR 116, em Salgueiro
CRIME AMBIENTAL

Arara-vermelha é resgatada durante fiscalização da PRF na BR 116, em Salgueiro

Curso aprimora habilidade de idosos para identificar fake news
Educação

Curso aprimora habilidade de idosos para identificar fake news