JULGAMENTO

Influenciador Renato Cariani vira réu por suspeita de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro

Nesta fase, o juiz analisa se há indícios mínimos para abrir uma ação penal

Renato CarianiRenato Cariani - Foto: Reprodução

A Justiça de São Paulo aceitou a denúncia do Ministério Público de São Paulo e colocou o influenciador fitness Renato Cariani no banco dos réus por suspeita de tráfico de drogas. Outras quatro pessoas também vão responder ao processo.

Até a publicação deste texto, a reportagem do Estadão buscou contato com a defesa do influenciador, mas sem sucesso. O espaço está aberto para manifestação.

Nesta fase, o juiz analisa se há indícios mínimos para abrir uma ação penal. O julgamento definitivo do caso só acontece depois que testemunhas forem ouvidas e acusação e defesas apresentarem seus argumentos, o que não tem prazo para ocorrer.

"Presentes os requisitos legais (indícios de autoria e prova da existência dos crimes decorrentes das oitivas extrajudiciais e demais elementos colhidos na fase policial), recebo a denúncia", escreveu a juíza Maria da Conceição Pinto Vendeiro, da 3.ª Vara Criminal de Diadema, na Grande São Paulo.

O grupo vai responder por tráfico de drogas, associação para o tráfico e lavagem de dinheiro.

Como mostrou o Estadão, as autoridades estimam que a empresa do influenciador teria lucrado ao menos R$ 3,7 milhões com a venda de produtos químicos para a produção de cocaína e crack. Segundo a investigação, as drogas abasteciam uma rede de facções criminosas, incluindo o Primeiro Comando da Capital (PCC).

Veja também

Rússia afirma que conquistou outra localidade no leste da Ucrânia
guerra na ucrânia

Rússia afirma que conquistou outra localidade no leste da Ucrânia

Desaparecimento de criança pode ser comunicado antes de 24h; veja como
Segurança Pública

Desaparecimento de criança pode ser comunicado antes de 24h; veja como

Newsletter