Twitter

Internauta pede a SEC que investigue robôs do Twitter e Musk alfineta órgão regulador: 'Alguém aí?'

O empresário levantou a hipótese de reduzir a oferta inicial de US$ 54,20 por ação

Musk aproveitou a oportunidade para alfinetar o órgão, mencionando o perfil oficial da SEC no Twitter, e perguntando: "tem alguém aí?"Musk aproveitou a oportunidade para alfinetar o órgão, mencionando o perfil oficial da SEC no Twitter, e perguntando: "tem alguém aí?" - Foto: Chris Delmas / AFP

O bilionário Elon Musk voltou a entrar na polêmica sobre a compra do Twitter e o número de usuários robôs na plataforma. Depois de publicar, no próprio perfil, que a proposta de aquisição por US$ 44 bilhões pode não ser levada à frente caso a rede social não comprove que há menos de 5% de contas falsas, ele respondeu ao tuíte de um internauta que pediu à SEC, órgão regulador do mercado de capitais americano, que investigasse a veracidade da informação.

Musk aproveitou a oportunidade para alfinetar o órgão, mencionando o perfil oficial da SEC no Twitter, e perguntando: "tem alguém aí?"

Na semana passada, ele havia dito que a oferta da rede social estava "temporariamente suspensa" devido à possibilidade de que os números sobre perfis falsos e de robôs estivessem subestimados. O próprio Twitter admitiu que teria de revisar as estatísticas.

Já nesta terça-feira, o conselho do Twitter recomendou aos acionistas, em decisão unânime, que aprovassem a oferta feita por Musk, oito dias antes da data marcada para a votação. Ontem, o empresário levantou a hipótese de reduzir a oferta inicial de US$ 54,20 por ação, dizendo que um acordo a um preço mais baixo não estaria “fora de questão”.

Veja também

Recife dispensa agendamento em quatro pontos de testagem para Covid-19; saiba onde
Coronavírus

Recife dispensa agendamento em quatro pontos de testagem para Covid-19; saiba onde

Pernambuco abre seleção com 46 vagas para professores do Pronatec prisional; salário é de R$ 3,9 mil
Concursos e Empregos

Pernambuco abre seleção com 46 vagas para professores do Pronatec prisional; salário é de R$ 3,9 mil