camaragibe

Três irmãos são mortos a tiros em Camaragibe; uma das vítimas transmite execução ao vivo nas redes

Os três baleados são irmãos de Alex Silva, suspeito de matar dois policiais militares em Camaragibe

Crime ocorreu na madrugada nesta sexta-feira (15)Crime ocorreu na madrugada nesta sexta-feira (15) - Foto: Reprodução/Instagram

Uma mulher transmitiu ao vivo em uma rede social o momento que ela e um irmão foram mortos a tiros no bairro de Tabatinga, em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife. 

A execução aconteceu na madrugada nesta sexta-feira (15), na rua São Geraldo. Um terceiro irmão também foi baleado e morto.

Segundo a governadora Raquel Lyra, em pronunciamento nesta tarde, os três baleados são irmãos de Alex Silva, suspeito de matar dois policiais militares horas antes, durante uma troca de tiros ocorrida também no bairro de Tabatinga.

Nas imagens, dois homens encapuzados com armas em punho se aproximam de Agata Ayanne da Silva, que grava a ação ao vivo, e Amerson Juliano da Silva, e atiram neles. 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Folha de Pernambuco (@folhape)

Os dois morrem no local. O terceiro irmão, Apuynã Lucas da Silva, também foi ferido por tiros, chegou a ser socorrido para uma unidade de saúde, mas não resistiu e também morreu. 

Na gravação, um dos homens encapuzados ordena que Amerson Juliano fique parado. Na ocasião, a vítima diz "Tem câmera aqui".

Os atiradores se aproximam e mandam Amerson, que aparece com as mãos na cabeça, se abaixar e começam a atirar contra ele e os outros irmãos.

A reportagem da Folha de Pernambuco entrou em contato com as Polícias Militar e Civil de Pernambuco e com a Secretaria de Defesa Social (SDS) para mais informações sobre as execuções, mas não obteve retorno até a publicação desta matéria.

Veja também

Dia Nacional de Doação de Leite Humano: Brasil é referência internacional em bancos do alimento
Saúde

Dia Nacional de Doação de Leite Humano: Brasil é referência internacional em bancos do alimento

Nível do Guaíba cai 17 cm em Porto Alegre e segue baixando
Rio Grande do Sul

Nível do Guaíba cai 17 cm em Porto Alegre e segue baixando

Newsletter