Jardim do Baobá recebe 23 postes de iluminação

A obra acontece para estimular a população a frequentar ainda mais o espaço e tem previsão de ser completada em 40 dias

Jardim do BaobáJardim do Baobá - Foto/ Dilvulgação

O Jardim do Baobá, localizado no bairro das Graças, às margens do rio Capibaribe, na Zona Norte do Recife, vai ganhar 23 postes de iluminação com lâmpadas de LED, que são mais econômicas, viabilizadas pelo Projeto Parque Capibaribe, realizado pela Prefeitura do Recife. A obra acontece para estimular a população a frequentar ainda mais o espaço e tem previsão de ser finalizada em 40 dias.

Segundo nota à imprensa, ao longo da reforma as pessoas vão poder transitar normalmente pelo Jardim. O local também contará com a instalação de piso de concreto intertravado no passeio central.

O Jardim do Baobá está disponível para a população desde o dia 11 de setembro de 2016, possui cerca de 2.200 m2 e conta com uma mesa de uso coletivo de 10,5 metros de comprimento para piqueniques, além de jogo e três balanços-escultura de 6 metros de altura que comportam crianças e adultos.

O local foi todo projetado em torno de um Baobá de 15 metros de altura e tem preservado o solo natural em seu entorno. O baobá também faz parte das 54 árvores e palmeiras tombadas do Recife.

Sobre o Projeto Parque Capibaribe
Iniciado em 2013 o projeto é fruto de um convênio entre a Secretaria de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente, da Prefeitura do Recife, e um grupo interdisciplinar da Universidade Federal de Pernambuco. Os serviços são financiados por um mecanismo de compensação ambiental chamado Projeto de Revitalização de Áreas Verdes (Prav). O valor inicial do projeto é de R$ 800 mil, incluídos os custos dessa etapa da obra nesse montante. 

Veja também

Nos últimos dois meses, Pernambuco perdeu mais de 100 pessoas por semana para a Covid-19
Pandemia

Nos últimos dois meses, Pernambuco perdeu mais de 100 pessoas por semana para a Covid-19

Maior ataque suicida em Bagdá em três anos mata ao menos 32 pessoas
Terrorismo

Maior ataque suicida em Bagdá em três anos mata ao menos 32 pessoas