Joaquim Barbosa declara voto em Haddad

Ex-presidente do STF declarou voto em Fernando Haddad e declarou que Bolsonaro "inspira medo"

Ex-presidente do STF, Joaquim BarbosaEx-presidente do STF, Joaquim Barbosa - Foto: Emília Silberstein / UnB

"Pela primeira vez em 32 anos de exercício do direito de voto, um candidato me inspira medo. Por isso, votarei em Fernando Haddad". Foram com essas palavras que o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, declarou seu voto no candidato à Presidência da República pelo Partido dos Trabalhadores (PT), por meio de publicação em seu perfil no Twitter neste sábado (27), véspera da votação no segundo turno.

Leia também:
O esgarçamento entre Haddad e Bolsonaro, como previu Marina
Em último programa, Bolsonaro diz que venceu a 'máquina', e Haddad o chama de 'velha política'
Câmara resiste a propostas de Paulo Guedes, economista de Bolsonaro
PGR vai ao Supremo garantir direito de expressão nas universidades
Nem ditadura fechou o STF, diz Gilmar Mendes sobre fala de filho de Bolsonaro

Há algumas semanas, Barbosa foi visitado por Haddad em busca de apoio para a formação de frente democrática que se contraponha a Jair Bolsonaro (PSL). O ministro aposentado foi relator do mensalão, que condenou e prendeu petistas históricos, como José Dirceu, José Genoino e João Paulo Cunha.

Ex-presidente do STF, Joaquim Barbosa, declara voto em Haddad

Ex-presidente do STF, Joaquim Barbosa, declara voto em Haddad - Crédito: Reprodução / Twitter

 

Veja também

Anvisa decide autorização emergencial para uso de vacinas
Saúde

Anvisa decide autorização emergencial para uso de vacinas

Estudantes fazem hoje primeira prova do Enem 2020
Educação

Estudantes fazem hoje primeira prova do Enem 2020