luto

John Goodenough, vencedor do Nobel de Química, morre aos 100 anos

O cientista se tornou a pessoa de mais idade a vencer um prêmio Nobel em 2019

John GoodenoughJohn Goodenough - Foto: Reprodução/Twitter

John Goodenough, vencedor em 2019 do prêmio Nobel de Química ao lado de outros dois cientistas por desenvolver as baterias de lítio, morreu aos 100 anos, informou a Universidade do Texas.

O cientista faleceu no domingo (25), de acordo com a universidade, na qual Goodenough trabalhou por 37 anos na Faculdade Cockrell de Engenharia.

Suas contribuições para o desenvolvimento das baterias de lítio abriram o caminho para a criação dos smartphones e para uma sociedade menos dependente dos combustíveis fósseis.

John Goodenough se tornou a pessoa de mais idade a vencer um prêmio Nobel em 2019, quando, aos 97 anos, dividiu a honraria de Química com o britânico Stanley Whittingham e com o japonês Akira Yoshino pela invenção da bateria de lítio.

“O legado de John como um cientista brilhante é imensurável: suas descobertas melhoraram a vida de milhões de pessoas em todo o mundo”, disse Jay Hartzell, reitor da Universidade do Texas, em Austin, em um comunicado.

Pesquisando uma fonte alternativa de energia durante a crise do petróleo na década de 1970, Stanley Whittingham descobriu uma maneira de aproveitar o potencial energético do lítio, um metal tão leve que flutua na água.

Porém, a bateria que ele acompanhou era muito incompetente para uso.

Goodenough trabalhou a partir do protótipo de Witthigham e conseguiu dobrar o potencial de energia da bateria para quatro volts.

Em 1985, Yoshino utilizou um material à base de carbono que armazenava íons de lítio, tornando as baterias comercialmente viáveis.

Graças à pesquisa dos três cientistas, baterias recarregáveis mais potentes e leves foram criadas.

Veja também

Coreia do Norte: quais são as supostas armas enviadas à Rússia
guerra na ucrânia

Coreia do Norte: quais são as supostas armas enviadas à Rússia

Marrone é diagnosticado com glaucoma avançado; entenda o que é a doença
glaucoma

Marrone é diagnosticado com glaucoma avançado; entenda o que é a doença

Newsletter