GUERRA DA UCRÂNIA

Jornalista da AFP é ferido em ataque com drone no leste da Ucrânia

Dylan Collins, um americano de 35 anos radicado no Líbano que estava em missão na Ucrânia, ficou com algumas ferimentos

Destruição na Ucrânia, em guerra com a RússiaDestruição na Ucrânia, em guerra com a Rússia - Foto: Oleksandr Gimanov/AFP

Um repórter da Agence France-Presse foi ferido, nesta segunda-feira (24), em um ataque com um drone enquanto fazia uma reportagem perto de Bakhmut, no leste da Ucrânia, segundo seus colegas que testemunharam a explosão.

Dylan Collins, um americano de 35 anos radicado no Líbano que estava em missão na Ucrânia, ficou com algumas ferimentos devido ao ataque, ocorrido em uma área de mata perto de Bakhmut.

Ele foi levado para um hospital próximo. Segundo os médicos, Collins está fora de perigo, consciente e falou com seus colegas.

"Investigamos as circunstâncias do incidente. Estamos pensando em Dylan e em seus parentes", declarou a diretora da AFP para a Europa, Christine Buhagiar, em um comunicado.

A cidade de Bakhmut, epicentro dos combates no leste da Ucrânia, caiu nas mãos dos russos em maio, após uma batalha que durou quase um ano.

Desde que o Exército ucraniano começou sua contraofensiva, no começo de junho, houve lentos avanços ao norte e ao sul de Bakhmut na tentativa de cercar as forças russas e retomar a cidade.

Dylan Collins trabalha desde 2018 para a AFP e atualmente é coordenador de vídeo para o Líbano e a Síria. Possui muita experiência em zonas de conflito e em 2020 também cobriu a guerra de Nagorno-Karabakh.

O jornalista realiza missões regulares na Ucrânia desde o início da ofensiva russa em fevereiro de 2022. Ele chegou em Kiev nos primeiros dias do ataque.

Veja também

Democratas dizem a Biden que manter candidatura prejudica partido em disputas no Legislativo
eua

Democratas dizem a Biden que manter candidatura prejudica partido em disputas no Legislativo

Rotas de integração sul-americana começam a ser inauguradas em 2025
américa do sul

Rotas de integração sul-americana começam a ser inauguradas em 2025

Newsletter